Topo

Futebol


Grêmio adia nova conversa com Renato Gaúcho sobre renovação para 2020

Leo Caobelli/UOL
Imagem: Leo Caobelli/UOL

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

25/10/2019 04h00

O Grêmio adiou a nova reunião com Renato Gaúcho para tratar de renovação contratual. Mesmo sustentando discurso de que tem interesse em manter o treinador, o clube gaúcho entende que a goleada de 5 a 0 para o Flamengo, na semifinal da Libertadores, deixou o ambiente 'sem clima' para conversar acerca de 2020.

O UOL Esporte mostrou que o treinador tem sido contestado internamente e não é unanimidade para a próxima temporada.

A alta cúpula mantém a postura de querer ouvir Renato. A ideia é saber do treinador os planos para o futuro e ter uma leitura do impacto da eliminação com tons vexatórios. Oficialmente, a versão é de que a renovação será tratada mais perto do final do ano.

"Nós conversamos sobre isso antes, ele pediu para esperarmos e vamos ver se isso a gente retoma ali na frente", disse Romildo Bolzan Jr., presidente do Grêmio. "Se ele der o sinal verde, ele sabe que temos intenção. Não tem prazo, mas ele já recebeu a nossa sinalização sobre isso", completou.

O Grêmio procurou Renato para conversar sobre renovação depois da eliminação na semifinal da Copa do Brasil, quando o time foi eliminado nos pênaltis pelo Athletico. À época, as duas partes sinalizaram positivamente e a renovação passou a ser tratada como questão de tempo. Fato iminente. A diretoria gremista planejava voltar a negociar a prorrogação do vínculo logo depois do duelo com o Flamengo, independentemente do resultado - classificação ou eliminação.

Renato Gaúcho está no Grêmio desde setembro de 2016 e foi assediado pelo próprio Flamengo duas vezes. Em ambas, preferiu ficar no clube gaúcho.

Futebol