Topo

Conselho do Vasco opta por comissão para analisar aprovação de sócios

Alexandre Campello foi contra a decisão dos conselheiros de formar uma comissão para analisar sócios - Rafael Ribeiro / Flickr do Vasco
Alexandre Campello foi contra a decisão dos conselheiros de formar uma comissão para analisar sócios Imagem: Rafael Ribeiro / Flickr do Vasco

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

25/10/2019 22h57

Em reunião extraordinária realizada na noite de hoje (25) na sede da Lagoa (RJ), o Conselho Deliberativo do Vasco optou pela formação de uma comissão para analisar a aprovação ou veto dos sócios que ingressaram com uma proposta de associação no plano que dá direito a voto na eleição do clube ano que vem.

A sugestão partiu de grupos de oposição, como "Identidade Vasco" e "Sempre Vasco", e não era bem vista pelo presidente vascaíno, Alexandre Campello, que votou contra e enxergava que o movimento dos opositores era para ter acesso ao cadastro dos associados.

A comissão terá 30 dias para analisar a situação dos pretendentes e apresentar um relatório para o Conselho Deliberativo.

Antes desta decisão, a aprovação ou não partia de Campello, que se escorou no artigo 14 do estatuto para não justificar os motivos que o levaram a indeferir centenas de pessoas no processo de associação.

A comissão será formada por representantes de variadas correntes políticas e tem como objetivo impedir irregularidades no pleito do ano que vem.

Vasco