PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG planeja rejuvenescer time; Elias e Ricardo Oliveira podem sair

Ricardo Oliveira perdeu espaço no ataque do Atlético-MG e vê Di Santo como titular da equipe - Bruno Cantini/Atlético-MG
Ricardo Oliveira perdeu espaço no ataque do Atlético-MG e vê Di Santo como titular da equipe Imagem: Bruno Cantini/Atlético-MG

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

25/10/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Atlético-MG planeja rejuvenescer elenco em 2020. A ideia da diretoria é liberar alguns dos experientes atletas que estão no plantel
  • Elias, de 34 anos, e Ricardo Oliveira, de 39, podem deixar a Cidade do Galo. O primeiro tem contrato até o fim de 2019, o segundo até dezembro de 2020
  • Rui Costa, diretor de futebol, é quem faz o trabalho de reformulação do plantel do Galo. O projeto tem anuência do presidente Sérgio Sette Câmara
  • A média de idade do plantel é de 26,8 anos. Há 36 atletas no grupo. Nathan é o modelo perfeito para a diretoria: bom, jovem e barato

O Atlético-MG prepara uma reformulação do elenco para 2020. A ideia da diretoria é contratar jovens atletas e liberar alguns nomes experientes do elenco. Elias, de 34 anos, e Ricardo Oliveira, de 39, são jogadores que podem deixar o clube para a próxima temporada.

O clube não fala abertamente, mas cogita a saída da dupla de veteranos em detrimento da chegada de outros jovens. Elias, por exemplo, não deve ter o contrato renovado. Há uma dívida com o jogador que o impede de estender o vínculo. Ricardo Oliveira tem compromisso até o fim de 2020. O centroavante, no entanto, pode deixar a Cidade do Galo em uma eventual negociação.

As alterações no elenco são lideradas pelo diretor de futebol Rui Costa, mas têm a anuência do presidente Sérgio Sette Câmara. O mandatário do clube, inclusive, confirma o desejo de rejuvenescer o grupo ao fim da temporada.

"Para o ano que vem, um dos objetivos nossos é rejuvenescer o time. É uma coisa que o Rui já tem o planejamento, nós já sabemos onde precisamos focar, o que precisamos fazer, quem nós precisamos permanecer, quem vamos buscar, quais os garotos da base vão subir", declarou o dirigente.

Hoje, a média de idade do plantel comandado por Vagner Mancini é de 26,8 anos. Há 36 jogadores no elenco. A ideia da cúpula é contratar jovens com potencial de crescimento. Um nome considerado modelo pelo departamento de futebol é Nathan, que tem chegou por empréstimo gratuito à equipe.

Em grave crise financeira, o presidente Sette Câmara pretende repetir buscar nomes por empréstimo, desde que sejam gratuitos, e fazer negócios por meio de trocas.

"Não temos dinheiro para fazer aquisição de jogadores. O que nós vamos tentar fazer é escambo. A velha prática da troca. O Atlético tem em seu plantel jogadores interessantes, que podem interessar outros clubes. A gente já iniciou conversas nesse sentido", acrescentou.

As saídas não devem se restringir a Elias e Ricardo Oliveira. Outros jogadores também podem deixar a Cidade do Galo em 2020. Leonardo Silva é um dos veteranos que tem a saída certa. O zagueiro se aposentará e terá um cargo diretivo a partir do próximo ano.

Futebol