Topo

Futebol


Messi rebate crítica de CR7 sobre sair do Barça: "Nunca senti necessidade"

Lionel Messi exibe a Chuteira de Ouro da temporada - Josep LAGO / AFP
Lionel Messi exibe a Chuteira de Ouro da temporada Imagem: Josep LAGO / AFP

Do UOL, em São Paulo

17/10/2019 11h19

O jogador Lionel Messi conversou com o jornal esportivo espanhol "Marca" sobre sua carreira e rebateu uma crítica de Cristiano Ronaldo sobre não sair do Barcelona. Ele disse que nunca sentiu "necessidade de sair do melhor clube do mundo".

Cristiano Ronaldo aconselhou Messi a "sair de sua zona de conforto" e "buscar outras ligas", o que o jogador respondeu com elogios ao Barcelona: "Cada um procura seus objetivos e suas experiências. Nunca tive a necessidade de deixar o melhor clube do mundo que é o Barcelona, onde aproveito os treinos, jogos e a cidade. É muito completo e sempre tive um objetivo muito claro neste clube".

No ano passado, Cristiano Ronaldo decidiu mudar de clube, saindo do Real Madrid para o Juventus, segundo ele, em busca de "novos ares". Antes, ele fez passagem pelo Manchester United.

Ele também falou sobre como, diferente de CR7, não gosta de falar sobre si mesmo. "Prefiro que as pessoas falem de mim. Sei o que sou, o que fiz e o que posso dar, mas guardo para mim. Deixo que as pessoas pensam. Não gosto de falar de mim, mas do coletivo".

Messi comentou sobre as lesões que sofreu este ano, o que o deixou fora de algumas partidas. "É difícil, porque em sua cabeça você está bem, ela pensa que tem 25 anos e pode continuar fazendo as mesmas coisas de antes. Mas o corpo manda e há circunstâncias em que você precisa ter mais cuidado do que antes. Assimilar isso requer um processo e uma preparação diferente para treinamentos e partidas".

Por fim, ele falou sobre os prêmios que tem acumulado na carreira. Ontem, o jogador recebeu pela sexta vez a Chuteira de Ouro, prêmio anual concedido ao artilheiro das principais ligas da Europa.

"Eu sempre digo que os prêmios individuais não são meus objetivos. Se ganhar, tudo bem; E se não, nada acontece".

Futebol