Topo

Interino fala em "viver cada dia" e comemora oportunidade no Inter

Do UOL, em Porto Alegre

17/10/2019 22h25

Ricardo Colbachini não tem grande chance de ser efetivado no comando do Inter. A direção está abertamente procurando um substituto para Odair Hellmann. Mas, após a vitória por 2 a 0 sobre o Avaí pela 26ª rodada do Brasileirão, o treinador mostrou que isso não tira qualquer motivação. Vivendo "o dia a dia", o comandante comemora a chance que está recebendo.

"Estou muito feliz, espero viver cada dia. Estou focado no treinamento de amanhã, em preparar o time para domingo. Estou realizando um sonho aqui, estou muito feliz e quero viver o dia a dia, pensar na sexta-feira, depois no time do Vasco, em um grande confronto", explicou Colbachini.

O interino mudou o sistema do Inter na noite de hoje. Em vez do tripé central, ele utilizou duas linhas de quatro jogadores com Nico López alinhado com Guerrero no ataque.

Contando com uma expulsão do rival com menos de dois minutos de jogo, o Colorado triunfou fora de casa e assumiu a sexta posição do Brasileiro com 42 pontos. Está dois atrás do G4, que garante vaga à fase de grupos da próxima Libertadores.

"Eu estou focado em viver e se preparar para o próximo jogo. Ganho uma chance dessas com 34 anos, não tem como dizer que não estou feliz. É focar no jogo do Vasco. Todo treinador do Brasil vive do próximo jogo, da próxima partida. É preparar bons treinos e observar o adversário. Tenho certeza que toda comissão técnica e os jogadores vão me ajudar, como estão me ajudando", disse.

Colbachini está garantido no comando até a próxima rodada. Contra o Vasco, será ele o comandante. E sem evolução na contratação de Eduardo Coudet, cresce a chance dele permanecer no comando até o fim do ano. Isso, contudo, não está definido ainda.

Internacional