Topo

Tailson sonha com primeiro gol na Vila e comemora volta de selecionáveis

Tailson, do Santos, parte pra cima da defesa do Palmeiras - Ivan Storti/Santos FC
Tailson, do Santos, parte pra cima da defesa do Palmeiras Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

15/10/2019 16h42

O Menino da Vila Tailson está vivendo um sonho no Santos. Após estrear entre os profissionais com gol contra o Vasco, vencer o clássico contra o Palmeiras e ser novamente titular contra o Internacional, agora o jovem atacante sonha em balançar as redes pela primeira vez na Vila Belmiro.

A próxima oportunidade será nesta quinta-feira, às 19h15, quando o Peixe recebe o Ceará, em jogo válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Tailson sabe que a concorrência por uma vaga no time aumenta com a volta de Derlis González e Soteldo, mas comemora os retornos.

"São dois jogadores de muita qualidade, não é a toa que são sempre convocados para as sua seleções. Com certeza a concorrência aumentou bastante, mas estou à disposição do Sampaoli. Se ele quiser me utilizar, estarei sempre pronto para ajudar da melhor maneira possível", afirmou Tailson.

O camisa 39 do Santos acredita que ainda tem muito a evoluir em campo. Após chamar atenção de Sampaoli na Copa São Paulo de Futebol Jr, Tailson ficou meses sem treinar diante do imbróglio contratual com o Peixe que quase o fez parar no Barcelona (ESP).

"Fisicamente acredito que ainda não estou 100%, mas a cabeça está boa e me sinto bem. Acredito que ainda preciso fazer alguns ajustes físicos, mas aos poucos estou pegando ritmo para melhorar cada vez mais. Estrear com essa camisa e anotar um gol na Vila Belmiro são sonhos que todos os meninos têm quando sobem para a equipe profissional. O primeiro eu já consegui realizar, agora vou batalhar bastante para alcançar o segundo", disse.

Tailson tem chance de continuar na equipe titular mesmo diante do retorno dos estrangeiros. Soteldo e Derlis só participarão do treino de amanhã, último antes do duelo contra os cearenses. Sem Marinho, suspenso, Tailson pode ser o escolhido ao lado de Soteldo, como ocorreu diante do Vasco, já que Derlis não tem status de titular incontestável no clube.

Santos