Topo

Torcedores do Botafogo invadem hotel e brigam antes de derrota em São Paulo

Integrantes de organizada do Botafogo provocaram tumulto em São Paulo - VITOR SILVA/BOTAFOGO
Integrantes de organizada do Botafogo provocaram tumulto em São Paulo Imagem: VITOR SILVA/BOTAFOGO

Caio Blois e Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

13/10/2019 12h57

O Botafogo vive um momento delicado dentro e fora dos campos. Nas quatro linhas, cinco derrotas nos últimos seis jogos. Já fora do gramado, invasão em General Severiano e em um treino da equipe. Antes da derrota para o Palmeiras, um grupo invadiu o hotel que servia de concentração ao elenco em São Paulo. A informação foi inicialmente divulgada pelo "Globo Esporte" e confirmada pelo UOL Esporte.

Identificados com camisas da torcida "Fúria Jovem", estes alvinegros tentaram arrancar à força ingressos que estavam sendo distribuídos a sócios-torcedores do Bota. O procedimento de entrega de bilhetes para os associados é comum em partidas fora de casa.

Apesar do momento de tensão no hotel, não houve desdobramentos e a Polícia Militar não precisou ser acionada. A tensão é crescente no Alvinegro, que anunciou Alberto Valentim como substituto de Eduardo Barroca.

E os episódios de violência não pararam por aí. Antes mesmo do revés no Pacaembu, duas torcidas organizadas do clube entraram em confronto entre si nas imediações do Pacaembu. Reforçada por um grupo da Gaviões da Fiel, torcida do Corinthians, a Fúria atacou a Torcida Jovem do Botafogo, que possui ligação histórica com a Mancha Verde, maior organizada do Palmeiras.

O conflito foi apaziguado pela Polícia Militar de São Paulo. Os relatos de quem esteve no estádio é de fortes explosões causadas por bombas caseiras, utilizadas no confronto. A sede da Mancha fica 2,5km distante do local, metade da distância em relação à casa da Gaviões.

A Fúria Jovem está suspensa de estádios por três anos desde 2017 após pedido do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ), baseado em um relatório de imagens do Batalhão Especializado de Policiamento em Estádios (BEPE). A torcida, entretanto, voltou a comparecer aos estádios em jogos fora de casa, de maneira clandestina.

Em declínio na tabela do Campeonato Brasileiro, o Botafogo encara o rival Vasco na próxima quarta-feira (16), às 21h30, em São Januário, em jogo que marca a estreia do novo comandante.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Botafogo