Topo

UOL Esporte vê TV


C. Ribeiro elege Arão melhor do jogo e diz: "4 a 0 seria justo, cabia mais"

Caio Ribeiro, comentarista do Grupo Globo - false
Caio Ribeiro, comentarista do Grupo Globo

Colaboração para o UOL, em São Paulo

10/10/2019 22h34

Comentarista do Grupo Globo, Caio Ribeiro participou hoje da transmissão de Flamengo 3 x 1 Atlético-MG, pelo Premiere. Após o jogo, o ex-jogador destacou Willian Arão como o grande nome da vitória rubro-negra e disse que o resultado não foi condizente com o que os times apresentaram em campo.

"Depois do gol, o Atlético voltou a ficar fechadinho, conseguiu o gol do empate, chegou mais duas vezes e ficou todo mundo perto da área. Se for ver a postura do jogo, um 4 a 0 seria justo, cabia mais. Fico muito decepcionado com a postura do Atlético. Vir fechadinho, tudo bem, mas tem que tentar explorar os contra-ataques pelo menos. Para mim, o homem do jogo hoje foi o Willian Arão, mas tem uma menção honrosa ao Vitinho, fez uma grande partida. Se pegar antes, o Bruno Henrique foi o craque. Antes, o Gabigol, o Everton Ribeiro. Vários jogadores são craques em jogos diferentes. Isso mostra um time em sintonia", opinou Caio.

Para Paulo Nunes, que também participou da transmissão, comandada por Gustavo Villani, a variação de jogadas do Flamengo foi o que mais chamou a atenção. Na opinião do ex-jogador, as constantes mudanças permitiram que o time criasse as chances de gol.

"O Flamengo começou buscando o resultado, começou marcando em cima, pressão, como é o estilo do Jorge Jesus. O Atlético com essa linha de 5, mais a dificuldade de desfalques: o Otero, o Luan, o Guga, que são importantes para a saída de bola. No primeiro tempo, o Atlético não jogou. O Flamengo variou bastante, tentou o gol de todas as formas, e fez em um escanteio. E depois continuou a atacar para construir o resultado", declarou.

Com a vitória, o Flamengo abriu oito pontos de vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro. O time chegou a 55 pontos, enquanto Santos e Palmeiras, segundo e terceiro colocados respectivamente, têm 47.

O Atlético-MG, que tem apenas uma vitória nos últimos cinco jogos, é o 11º colocado, com 31 pontos.

UOL Esporte vê TV