Topo

Futebol


Lucas Lima volta à Vila pela 1ª vez tentando reencontrar raízes e ressurgir

Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação
Imagem: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Eder Traskini e Leandro Miranda

Do UOL, em Santos e em São Paulo

08/10/2019 04h00

Dizem que o bom filho à casa torna, mas, neste caso, o mesmo é verdadeiro para o mau filho. Lucas Lima até demorou, mas voltará pela primeira vez à Vila Belmiro amanhã (9) para enfrentar o clássico contra o Santos, às 21h30. O meia que deixou o Peixe de forma conturbada no final de 2017 tenta reencontrar as raízes que deixou na Baixada Santista para ressurgir "à moda antiga" no Palmeiras.

Esquecido com Felipão, Lucas Lima voltou a ganhar chances com a chegada de Mano Menezes e chegou a ser titular no empate contra o Atlético-MG. No entanto, o meia não convenceu e pode retornar ao banco de reservas no clássico.

Para recuperar o meia, Mano Menezes foi buscar a melhor época de Lucas Lima no futebol, justamente atuando no Santos, quando chegou a ser convocado para a seleção brasileira. Ao contrário do meia-ofensivo que pisa na área, como era visto pelos antigos comandantes, o novo técnico palmeirense quer dar mais liberdade para Lucas Lima buscar a bola.

"Fui buscar as características do Lucas Lima no Santos. É um jogador que gosta da bola, do jogo de aproximação, mais curto. Sempre jogou saindo um pouco mais do setor de meia, um pouquinho mais atrás, para a bola longa. Essa é a sua característica. A conversa é nesse sentido, para recuperar o que o jogador perde de si próprio. Às vezes pedem para jogar de outra maneira, o torcedor quer que seja de outra maneira. Você quer atender, mas perde um pouco", disse Mano em entrevista coletiva no último mês.

Se taticamente Lucas Lima começa a encontrar um cenário favorável no Palmeiras, o duelo na Vila Belmiro promete apresentar justamente o oposto: muita pressão vinda das arquibancadas do estádio, já que o torcedor santista não deve receber bem o meia que deixou o Santos em final de contrato e se transferiu de graça para o rival.

Desde então, o jogador enfrentou sua ex-equipe cinco vezes, vencendo três, empatando uma e sendo derrotado apenas uma vez. Lucas Lima marcou seu único gol contra o Peixe no empate por 1 a 1 no Brasileirão do ano passado.

No entanto, nenhuma dessas cinco partidas ocorreu na Vila Belmiro. Com a filosofia do presidente José Carlos Peres de levar mais jogos para o Pacaembu, o Peixe mandou os clássicos contra o Palmeiras no estádio da capital paulista no ano passado. Nesta temporada os mandos foram divididos no quesito clássico: dois no Pacaembu e dois na Vila, já computando o duelo desta quarta-feira.

Mais Futebol