PUBLICIDADE
Topo

Libertadores - 2019

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Flamengo ou Grêmio: quem chega melhor à semi? Por quê? Blogueiros opinam

Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Do UOL, em Santos (SP)

02/10/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Grêmio e Flamengo fazem na noite de hoje, em Porto Alegre, a primeira semifinal
  • Jogo de volta acontece em 23 de outubro, no Maracanã, no Rio de Janeiro
  • "Os dois times chegam bem e tinindo", analisa o blogueiro Juca Kfouri
  • "Vejo um momento ligeiramente superior do Grêmio", diz Renato Maurício Prado

Grêmio e Flamengo começam, na noite de hoje (2), às 21h30 (de Brasília), em Porto Alegre, a decidir uma das semifinais da Copa Libertadores. O duelo de volta está marcado para o dia 23 de outubro, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

Entre os dois times, qual deles chega melhor às semifinais? Por quê? Fizemos essas perguntas aos blogueiros do UOL Esporte. Veja o que eles pensam:

ANDRÉ ROCHA

O Grêmio tem algumas vantagens para o jogo de ida: além do mando de campo, a moral de quatro vitórias seguidas no Brasileiro dos titulares e o descanso destes na rodada do fim de semana. Sem contar a experiência dos últimos anos em jogos grandes de Libertadores. O Flamengo vem desgastando os titulares física e mentalmente na disputa pelo título nacional. Vai enfrentar ambiente hostil na Arena em Porto Alegre e uma equipe que gosta da posse e deve colocar intensidade, pressão sufocante e circulação da bola para castigar ainda mais os rubro-negros "debutantes" em semifinal em ida e volta no torneio continental.

Favoritismo natural dos gremistas para a primeira partida, não necessariamente para o confronto.

Leia o blog do André Rocha.

JUCA KFOURI

Ambos chegam bem e tinindo.

O Grêmio mais descansado porque desistiu do Campeonato Brasileiro.

O Flamengo completo em condições de fazer grande jogo em Porto Alegre.

Quem ganhará não sei.

Sei quem não pode perder.

Quem gosta de futebol.

Leia o blog do Juca.

MARCEL RIZZO

Flamengo, mas ligeiramente. Se fosse há algumas semanas, vantagem seria maior, mas o Grêmio melhorou nas últimas partidas. Detalhe é como Everton, melhor jogador em atividade no futebol brasileiro, pode ser decisivo contra um time que tem o goleador do Brasil, Gabigol, e um elenco mais estrelado.

Leia o blog do Marcel Rizzo.

MAURO BETING

Flamengo joga o melhor futebol do Brasil hoje e tem a melhor equipe no Brasileiro. Mas não tem o melhor elenco. Pode pesar como a inexperiência de Jorge Jesus em treinar quarta e domingo neste calendário maluco a falta de opções do mesmo excelente nível dos titulares. Além da absurda capacidade decisiva do Grêmio - ainda mais em Libertadores. Seja qual for o time Tricolor. O Flamengo chega melhor. Mas é confronto para decidir nos pênaltis. Ou no gol qualificado.

Leia o blog do Mauro Beting.

MAURO CEZAR

Flamengo. Time titular melhor e sem problemas de lesão, Grêmio não tem o lateral-direito titular, Leonardo, não sabe se terá Geromel e Maicon, talvez fique fora em razão das ausências na defesa, ganhando marcação com Michel e perdendo o "maestro" do meio-campo gremista.

Leia o blog do Mauro Cezar.

MENON

O Flamengo está melhor. A liderança do Brasileiro é um grande estímulo, da mais confiança aos jogadores. O Grêmio é o Grêmio, o time brasileiro de melhor, ou pelo menos, mais agradável futebol dos últimos anos.

Leia o blog do Menon.

PERRONE

Chegam em igualdade. O Flamengo tem um time mais técnico, porém, o Grêmio é muito sólido pelo tempo que joga junto e sob a batuta do mesmo treinador. Isso equilibra o duelo. Tendência de dois jogos apertados, sem favoritismo.

Leia o blog do Perrone.

PVC

O Flamengo chega melhor. Nos últimos 60 dias, jogou o melhor futebol do país.

Leia o blog do PVC.

RENATO MAURÍCIO PRADO

Há uns 15 dias, minha resposta seria Flamengo. Agora, vejo até um momento ligeiramente superior do Grêmio, mais descansado e novamente mostrando um grande futebol. Em tese, seria jogo pra muitos gols. Mas Flamengo x Santos também pintava assim e foi um 1 a 0 bem amarrado. Meu palpite: 2 a 2.

Leia o blog do Renato Maurício Prado.

RODRIGO MATTOS

Quando os dois times se classificaram, o Flamengo vinha jogando bem melhor do que o Grêmio. Passado o tempo, o time gaúcho cresceu e protagonizou algumas das melhores atuações no ano diante de Cruzeiro, Santos e Avaí. Em compensação, passou a ter três desfalques, Jean Pierry, Geromel e Leonardo. Já o Flamengo teve duas atuações médias diante de Inter e São Paulo, abaixo do que vinha jogando no seu auge. Mas há de ressaltar que foram adversários que se defenderam bem e, mesmo assim, o time carioca foi dominante em ambos os jogos. Então, não chega a ser uma queda de desempenho. Neste contexto, dá para dizer que os dois times chegam às semis em níveis similares.

Leia o blog do Rodrigo Mattos.

Posse de Bola - Arnaldo Ribeiro: "Flamengo morde, se entrega. E isso tem um preço"

UOL Esporte

O Posse de Bola é o novo podcast do UOL sobre futebol, com Arnaldo Ribeiro, Eduardo Tironi, Juca Kfouri e Mauro Cezar Pereira. Você pode ouvir em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts. Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL