PUBLICIDADE
Topo

Teste de Léo Moura mostra falta de ritmo e põe Galhardo mais perto de semi

Leo Moura, lateral do Grêmio, foi testado na partida contra o Fluminense, domingo - Divulgação/Site oficial do Grêmio
Leo Moura, lateral do Grêmio, foi testado na partida contra o Fluminense, domingo Imagem: Divulgação/Site oficial do Grêmio

Do UOL, em Porto Alegre

30/09/2019 04h00

Léo Moura foi testado na partida contra o Fluminense. Porém, o que apresentou em campo pode deixar o lateral de 40 anos mais longe do time do Grêmio para o jogo de ida da semifinal da Libertadores, contra o Flamengo, quarta-feira. Sem o ritmo ideal pelo período afastado devido a uma lesão, ele deve esperar oportunidade e Galhardo, seguir na equipe.

Léo Moura foi sobrecarregado. E exatamente pelo seu lado saíram os dois gols do Fluminense. Com Luciano na linha à frente, as atribuições defensivas ficaram praticamente apenas para ele.

O veterano bem que tentou, mas viu Yony González e Caio Henrique criarem muito por ali. Tanto que no lance do segundo gol, ele tenta acabar a jogada no início, mas um carrinho sem resultado deixa o setor ainda mais descoberto. Um lance em que, com ritmo ideal, as chances de acontecer diminuiriam.

Ofensivamente, Léo mostrou a qualidade de sempre. Dos pés dele surgiu a jogada que acabou no gol gremista, de Patrick. Mas a preocupação com o rápido ataque do Fla indica que realmente não será o momento de retorno ao time.

O Rubro-Negro usa bem os lados de campo, e as características ofensivas do rival, independentemente do contexto do jogo, pesam na avaliação gremista.

Fisicamente Léo garante que está pronto. Após um longo período lesionado, ele já tem duas partidas disputadas e mira aproveitar os dias até quarta-feira para brigar por posto.

"Eu estou à disposição, lógico que a cada jogo eu pego mais ritmo. Hoje (domingo) joguei mais tempo. Esses dias até o jogo de quarta, vou descansar para estar pronto", disse.

Galhardo, porém, é o mais cotado. Atuando com regularidade na equipe de cima, ele sai na frente pelo ritmo de jogo, ainda que também apresente alguma dificuldade na fase defensiva.

Grêmio e Flamengo abrem a fase semifinal da Libertadores na quarta-feira às 21h30 (de Brasília), em Porto Alegre.

Grêmio