PUBLICIDADE
Topo

Galvão critica discussão de Ganso com Oswaldo: "Nunca tinha visto"

Galvão Bueno critica Ganso - Reprodução/SporTV
Galvão Bueno critica Ganso Imagem: Reprodução/SporTV

Colaboração para o UOL, em São Paulo

30/09/2019 22h38

Durante a edição de hoje (30) do Bem, Amigos!, Galvão Bueno e seus convidados conversaram sobre a briga entre Ganso e Oswaldo de Oliveira, que culminou com a demissão do treinador do Fluminense. O apresentador do programa e o comentarista Casagrande falaram sobre a situação, e disseram que nunca haviam visto algo parecido antes.

"Aquilo que o Ganso fez, eu nunca vi na minha vida. A falta de respeito e agressividade, eu nunca tinha visto. E olha que eu joguei em uma época em que tinha muita discussão entre jogador e treinador. Mas discussão de ideias. E não teve só o Ganso, aconteceu no vestiário do Cruzeiro, teve com o Mancini também. [...] Se o Oswaldo contrariou o Ganso e aconteceu aquilo, e ele foi demitido ainda, imagina se o Marcão vai tirar ele? Já colocou como capitão. Agora, ele virou refém do jogador. Ele deve pensar: 'se eu tirar ele, eu posso ser demitido também'", disse Casão.

Galvão destacou o fato de que, após a discussão, Ganso deu instruções na beira do gramado, dando a entender que teria mais comando que o próprio treinador. O apresentador ainda falou sobre a multa aplicada ao jogador, afirmando que ela aparenta ser algo feito apenas para acalmar os ânimos de quem via a situação de fora.

"Eu também nunca vi o que o Ganso fez no futebol, mas também a resposta do Oswaldo e o gesto que ele fez para a torcida, também nunca tinha visto. [...] O que eu achei mais desrespeitoso foi o Ganso colocar a jaqueta amarela e ir para a beirada do campo dar instruções. Ele quis mostrar que entende mais, que manda mais que o técnico. Isso é pior que chamar de burro. E ainda foi capitão no jogo seguinte. A impressão que me deu é que a multa para o Ganso foi só pra ninguém dizer que eles não fizeram nada [...] Eu lamento que isso é um sina l de que a falta de respeito, que está presente em toda a sociedade, chegou com muita força no futebol", complementou Galvão.

UOL Esporte vê TV