Topo

Jogadores relatam atraso salarial no Atlético-MG; clube não se manifesta

Sérgio Sette Câmara, presidente do Atlético-MG, não conseguiu quitar salários em dia - Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG
Sérgio Sette Câmara, presidente do Atlético-MG, não conseguiu quitar salários em dia Imagem: Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

24/09/2019 04h00

Somando agora seis derrotas seguidas pelo Brasileirão, derrotado pelo jogo de ida da semifinal da Copa Sul-Americana, o Atlético-MG vive um momento complicado e deve até dois meses de pagamentos aos jogadores. O clube diz que, por política interna, não se manifesta sobre a situação financeira. No entanto, a UOL De Primeira consultou ao menos oito pessoas entre atletas e agentes e constatou que há atraso de até um mês no que se refere ao pagamento da remuneração na CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas). Há também atraso no depósito dos direitos de imagem, de até dois meses.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

Mais Atlético-MG