Topo

Tiago Nunes se explica após deixar futuro em aberto e diz: "100% Furacão"

Gabriel Machado/AGIF
Imagem: Gabriel Machado/AGIF

Do UOL, em Santos (SP)

16/09/2019 13h49

Resumo da notícia

  • Tiago Nunes se disse cansado e deixou o futuro em aberto após derrota para o Avaí
  • Técnico se justificou depois das declarações e disse estar 'mentalmente inteiro' para a final
  • Athletico faz o 'jogo do ano' nesta quarta-feira, contra o Internacional, às 21h30, no Beira-Rio
  • Time de Tiago Nunes precisa apenas de um empate para conquistar o inédito título da Copa do Brasil

O técnico do Athletico Paranaense, Tiago Nunes, usou um vídeo publicado pelo clube nas redes sociais para se explicar sobre as polêmicas declarações dadas ontem (15), após a derrota para o Avaí na Arena da Baixada, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Tiago Nunes voltou a dizer que está esgotado fisicamente, mas ressaltou estar 'mentalmente' inteiro' para a decisão da Copa do Brasil contra o Internacional, quarta-feira (18), no Beira-Rio.

"A gente está 100% inteiro. Eu tenho o hábito de responder o que me perguntam. Fui perguntado se eu estava cansado, e sim, fisicamente não tem como não estar cansado. A rotina dos jogos deixa a gente extenuado fisicamente. Mas como falei, mentalmente inteiro. Estamos vivendo um momento histórico do clube", disse o treinador.

Depois de soltar frases como 'vamos ver o que acontece' e 'se eu pego o boné ou se eu fico', Tiago Nunes ressaltou estar focado não só na decisão da Copa do Brasil, mas também no objetivo de buscar o G-6 do Campeonato Brasileiro.

"Todos estão muito focados e inteiros para fazer um grande jogo na quarta-feira e marcar história. Somos 100% Furacão, com compromisso total com o que a gente vem fazendo no clube. Contamos com o apoio do torcedor para, se Deus quiser, não só esse objetivo ser cumprido, mas a busca pelo G-6 após o final do ano", acrescentou.

Tiago Nunes, que comandou um treino com os jogadores após a derrota para o Avaí, voltou a citar o cansaço, mas seguiu falando em 'fazer história' pelo Athletico.

"Treinamos após o jogo ontem, a rotina está pesada, mas isso faz parte do jogo. Estamos dentro e focados para essa final, para toda a temporada. Já fizemos história esse ano e vamos continuar marcando a nossa caminhada. O cansaço físico é normal pela rotina, mas estamos vivendo um sonho e fazendo parte da história. O torcedor acredita em nós. O momento é de focar nessa final e nas oportunidades que a temporada nos oferta até dezembro", completou.

Depois de vencer o primeiro jogo por 1 a 0, na Arena da Baixada, o Athletico visita o Internacional na próxima quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Beira-Rio. Os comandados de Tiago Nunes precisam de um empate para conquistar o inédito título do torneio nacional.