Topo

Futebol


Após reunião, Carille encerra conversas com intermediários de clube chinês

Carille estava na mira Tianjin Teda FC, mas alega internamente que não recebeu proposta -     Thiago Ribeiro/AGIF
Carille estava na mira Tianjin Teda FC, mas alega internamente que não recebeu proposta Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

12/09/2019 16h08

O Corinthians não corre risco de perder o técnico Fábio Carille para o futebol chinês. Hoje, o estafe do treinador se reuniu com os agentes que representavam o Tianjin Teda FC, da China, interessado em contratar o comandante corintiano após o término do Campeonato Brasileiro. O encontro serviu para encerrar qualquer possibilidade de transferência.

Internamente, a diretoria do Corinthians já não acreditava que uma proposta de fato chegaria a Carille.

O empresário Rodrigo Sodré enviou uma carta de intenção dos chineses, mas sem abrir negociações sobre valores. Após ter acesso ao documento, o estafe Carille se reuniu com os intermediários para dizer que o treinador está dedicado ao planejamento do Corinthians e, por isso, não há interesse de transferência.

"Ponto final, assunto encerrado, o empresário do Carille me recebeu por respeito hoje e definiram que não têm interesse em dar sequência no negócio pois o Carille está focado no projeto Corinthians. Não tínhamos valores definidos, consultamos eles e agora se encerrou o negócio", afirmou Sodré.

Carille teve acesso a essa carta de intenção do Tianjin Teda FC, mas não recebeu nenhuma proposta concreta.

O assunto do interesse dos chineses em Carille irritou bastante a diretoria do Corinthians. Segundo apurou o UOL Esporte, a cúpula corintiana alega que o vazamento do caso mexe com o ambiente do clube e gera insegurança no elenco.

O Corinthians, inclusive, investiga internamente como a informação foi vazada. Os dirigentes do clube souberam do interesse dos chineses por Carille somente pela imprensa.

É a segunda vez que Carille é sondado para atuar no exterior nesta temporada. Antes dos chineses, o treinador foi especulado no Al Hilal, da Arábia Saudita.

Carille já trocou o Corinthians uma vez, quando foi ao Al Wehda em maio de 2018. Ele retornou em janeiro após bom trabalho na Arábia Saudita, o que lhe manteve as portas abertas no exterior.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Futebol