PUBLICIDADE
Topo

Rafinha pede Flamengo com pés no chão e alerta: "Euforia do lado de fora"

Lateral-direito Rafinha é um dos mais experientes do atual elenco do Flamengo - Léo Burlá / UOL
Lateral-direito Rafinha é um dos mais experientes do atual elenco do Flamengo Imagem: Léo Burlá / UOL

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

10/09/2019 09h49

Um dos jogadores mais experientes do Flamengo, o lateral-direito Rafinha reconheceu o bom momento da equipe rubro-negra, mas fez um alerta para que a euforia que toma conta da arquibancada não chegue ao Ninho do Urubu.

O atleta disse que procura passar sua vivência aos mais jovens e destacou que as coisas mudam no futebol com uma velocidade muito grande.

"A euforia tem de ficar do lado de fora, assim como as críticas. No nosso vestiário, a gente se cobra, temos de ter o pé no chão. Nós sabemos como é o futebol. Não importa como começa, importa como termina. Temos de ter o pé no chão, seguir como estamos. Agora não é hora de falar muito. É deixar a euforia para fora do campo", disse o camisa 13, que elogiou a força mental dos mais novos:

"Procuro sempre estar mais perto dos mais novos, sei o que eles sentem. Além do prazer de jogar num clube como o Flamengo, tem a pressão. O futebol é muito difícil. Quando você acha que está em cima, vai para baixo rápido. Futebol não é sempre só alegria. Mas os meninos da base aqui são diferentes".

Na ponta da tabela do Campeonato Brasileiro, o Fla tem dias livres até o jogo de sábado diante do Santos, às 17h, no Maracanã. Rafinha afirmou que espera um jogo de muitos gols, mas com uma ressalva:

"Espero que possamos ter muitos gols, mas a nosso favor. Não importa se com muitos ou poucos gols, mas que a gente saia vitorioso".

Flamengo