Topo

Everton diz que não se frustrou com permanência no Grêmio: "Momento certo"

Everton, atacante do Grêmio, garante que não se frustrou por ficar no clube - Divulgação/Site oficial do Grêmio
Everton, atacante do Grêmio, garante que não se frustrou por ficar no clube Imagem: Divulgação/Site oficial do Grêmio

Do UOL, em Porto Alegre

06/09/2019 15h39

Everton ficou. Com o fechamento das principais janelas de transferências no mundo, o jogador permaneceu no Grêmio e nega ter se frustrado pela negociação que não ocorreu.

Alvo de sondagens de gigantes da Europa, o jogador acabou permanecendo. O Grêmio admite ter rejeitado duas ofertas oficiais, de um clube chinês e do Milan, da Itália. Os demais interessados, Arsenal, Atletico de Madrid, Napoli, Manchester City, entre outros, não chegaram a apresentar oferta formal.

"Pelo contrário, eu sempre falei que no momento que fosse para sair tinha que ser algo bom para mim e para o clube. (Foi) Algo que não agradou nenhuma das duas partes. Então não tenho que ficar ansioso ou questionando. Vai acontecer tudo no momento certo", disse em entrevista coletiva.

Fora da última convocação da seleção brasileira em razão das eliminatórias que o Grêmio enfrentava (Libertadores e Copa do Brasil), Cebolinha torce, à distância, pelo melhor para o time com a volta de Neymar, que não disputou a Copa América.

"Eu me preparei bem e fiz um bom trabalho na ausência do Neymar. Mas ele é indispensável, talvez seja a maior qualidade técnica do Brasil, da seleção, espero que ele possa dar a volta por cima e mostrar tudo que sabe", argumentou.

O Grêmio se prepara para encarar o Cruzeiro, domingo, em Belo Horizonte, pelo Brasileiro. Eliminado da Copa do Brasil e com o início da semifinal da Libertadores ainda distante no calendário, Renato Gaúcho irá utilizar o que tem de melhor no grupo.