PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Flu acerta venda e Pedro viaja para fazer exames e assinar com a Fiorentina

Pedro durante treino do Fluminense: jogador vai para a Fiorentina - Lucas Merçon/Fluminense
Pedro durante treino do Fluminense: jogador vai para a Fiorentina Imagem: Lucas Merçon/Fluminense

Caio Blois e Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

01/09/2019 14h15

A venda de Pedro foi sacramentada ontem pelo Fluminense. Com as bases acertadas de um contrato de 5 anos de duração, o atacante viajou na tarde de hoje (1) para Florença. Na cidade italiana, o jogador vai passar por exames médicos antes de ser anunciado oficialmente pela Fiorentina, seu novo clube.

A venda será sacramentada por 15 milhões de euros (R$ 68,5 milhões), dos quais o Fluminense terá 12 milhões de euros (R$ 54,8 milhões) e ficará com uma porcentagem dos direitos econômicos do jogador. Assim, o Tricolor receberá mais até do que ofereceu o Flamengo ainda em 2019, o que o clube queria, mas não esperava.

O restante será dividido entre o Artsul, clube-empresa de Nova Iguaçu que é detentor de 50% do passe de Pedro, seus empresários e outros intermediários.

Acompanhado dos pais, da irmã, da tia e da namorada, Pedro chegou ao aeroporto do Galeão por volta de 12h. O jogador viajou com o pai Marcos Guilherme e os empresários o empresário Márcio Giugni e Cristiano Pereira, este último representante do Artsul. O camisa 9 ainda volta ao Brasil antes de retornar em definitivo para a Europa, provavelmente na semana que vem.

Na reunião que sacramentou o negócio, estiveram presentes o presidente Mario Bittencourt e Fernando Simone, que faz as vezes de diretor-executivo do clube desde o último ano da gestão Pedro Abad. O vice geral Celso Barros e o diretor de futebol Paulo Angioni não fizeram parte desta rodada de negociações.

Nesta segunda-feira (2), já sem o camisa 9, o Fluminense volta a campo às 20h para enfrentar o Avaí, no Maracanã, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com apenas 12 pontos, o Tricolor é o 18º colocado da competição.

Pedro foi campeão brasileiro sub-20 pelo Flu em 2015 e subiu aos profissionais em 2016. Desde então, fez 93 partidas e marcou 31 gols pelo clube. O jogador chegou a ser convocado para a seleção brasileira de Tite no ano passado, mas sofreu séria lesão no joelho e acabou cortado. Desde então, segue no radar do treinador, que aguarda sua total recuperação física e técnica. Neste ano, esteve na seleção olímpica que venceu o Torneio de Toulon, na França.

Fluminense