PUBLICIDADE
Topo

Luis Enrique anuncia morte da filha: "Lembraremos cada dia de nossas vidas"

Luis Enrique, ex-treinador da seleção espanhola  - JOSE JORDAN / AFP
Luis Enrique, ex-treinador da seleção espanhola Imagem: JOSE JORDAN / AFP

Colaboração para o UOL

29/08/2019 17h13

O técnico Luis Enrique anunciou hoje a morte da filha Xana, de nove anos. A menina lutava contra um osteosarcoma, tumor ósseo maligno, e o pai deixou o comando da seleção espanhola em junho para dedicar seu tempo a ela.

"Nossa filha Xana faleceu esta tarde com a idade de nove anos, depois de lutar cinco intensos meses contra um osteosarcoma. Agradecemos todas as manifestações de carinho recebidas durante esses meses e agradecemos a discrição e a compreensão", escreveu o técnico, em nota divulgada no Twitter.

"Também agradecer à equipe dos hospitais Don Juan de Deu e Sant Pau pela dedicação e cuidado, aos médicos, enfermeiras e a todos os voluntários. Com uma menção especial à equipe de cuidados paliativos de Sant Juan de Deu".

"Vamos sentir muito sua falta, mas nos lembraremos de você a cada dia de nossas vidas com a esperança de que no futuro voltaremos a nos encontrar. Será uma estrela que guiará nossa família", finalizou.

Atletas e personalidades prestaram solidariedade ao treinador. "Não há palavras que possam confortar nesses momentos tão duros, mas aqui mandamos toda a força e todo carinho do mundo", escreveu Álvaro Morata.

"Todo o ânimo, força e apoio do mundo nesses momentos", respondeu Nacho Fernandez. "Muita força. Difícil encontrar palavras nestes momentos. Um forte abraço", postou César Azpilicuelta.

"Sem palavras. Que Xana descanse em paz. Muita coragem para toda a família", escreveu Dani Parejo.

O Real Madrid também enviou condolências ao técnico. "O Real Madrid se une a dor de Luis Enrique e de sua família pelo falecimento de sua filha e quer transmitir seus mais sinceros pêsames nestes momentos tão difíceis".

Futebol