Topo

Futebol


Herói do Bahia, Gilberto tem forte dor de cabeça após choque com Léo Silva

Do UOL, em São Paulo

24/08/2019 12h52

Autor do gol do Bahia na vitória diante do Atlético-MG, o atacante Gilberto foi o grande nome do primeiro triunfo fora de casa do clube baiano nesta edição do Campeonato Brasileiro. No entanto, o centroavante ficou muito perto de deixar o jogo após sofrer um choque com o zagueiro Leonardo Silva.

"Foi uma pancada forte na cabeça. A gente tem que ter cuidado com isso. A dor que estou sentindo no lado da cabeça, vou ver com o médico se ele me deixa voltar", afirmou o jogador logo após o término do primeiro tempo na Arena Independência. Mesmo com fortes dores de cabeça, o atacante se manteve em campo para ajudar o clube baiano e foi substituído apenas aos 26 minutos da segunda etapa.

Segundo a transmissão do Premiere, Gilberto reclamou de fortes dores na face depois de voltar do intervalo e também assim que foi substituído de campo, começando o tratamento assim que deixou o gramado.

O gol do atacante saiu aos 19 minutos do primeiro, após muita insistência do sistema ofensivo da equipe visitante. Lucca recebeu belo passe pela esquerda e finalizou para excelente defesa do goleiro do Atlético-MG, porém Gilberto não desperdiçou segundos depois, quando aproveitou cruzamento certeiro do lateral Nino Paraíba para estufar as redes do arqueiro Cleiton.

O jogador vive um de seus melhores momentos na carreira e está consolidado na equipe titular do técnico Roger Machado. Revelado pelo Santa Cruz, o atleta foi "migrando" em diversos clubes do cenário nacional e vestiu a camisa de grandes equipes como São Paulo, Vasco e Internacional, porém sem muito sucesso. Foi no Bahia que Gilberto conseguiu estabilidade, sendo que o time atual foi o que o centroavante mais entrou em campo e e onde mais balançou as redes.

Além de ser titular absoluto e passar segurança para seus companheiros de equipe, Gilberto também vem crescendo dentro do Campeonato Brasileiro, já que, com o gol deste sábado, subiu para a vice-artilharia do principal torneio nacional, atrás apenas de Gabriel Barbosa, do Flamengo.

Mais Futebol