Topo

Organizada do Palmeiras faz protesto na porta do CT e ameaça Felipão

Protesto de torcida organizada do Palmeiras em frente à Academia de Futebol - UOL
Protesto de torcida organizada do Palmeiras em frente à Academia de Futebol Imagem: UOL

Do UOL, em São Paulo

03/08/2019 16h00

Integrantes da torcida organizada Mancha Alviverde fizeram um protesto na porta da Academia de Futebol, centro de treinamentos do Palmeiras, hoje, véspera do clássico com o Corinthians pelo Campeonato Brasileiro. Torcedores se reuniram em frente ao CT com faixas e gritos, incluindo ameaças ao técnico Luiz Felipe Scolari.

"Ô Felipão, vai se f..., se não ganhar amanhã, é você quem vai morrer", cantou o grupo em alguns momentos. Outro cântico foi "Bando de c..., ganhar dos gambás não é mais que obrigação". Entre os dizeres das faixas, estavam frases como "Diretoria omissa", "Felipão, dono do Verdão?", "Clássico vale vida" e "Ninguém morreu ainda".

Esta última frase, assim como o canto ameaçando Felipão, é uma referência à entrevista do técnico após a eliminação para o Internacional na Copa do Brasil. Na ocasião, após perder nos pênaltis, o treinador minimizou o impacto da derrota dizendo que "ninguém morreu".

UOL
Imagem: UOL

A organizada divulgou ainda uma carta com críticas a Felipão, chamado de "arrogante", ao diretor de futebol Alexandre Mattos e ao presidente Maurício Galiotte.

O Palmeiras vem de goleada na Libertadores por 4 a 0 sobre o Godoy Cruz e classificação para as quartas de final, mas passou antes por cinco partidas seguidas sem vencer na temporada. Nesse período, além da queda na Copa do Brasil, perdeu a liderança do Brasileirão para o Santos.

O elenco do Verdão fez hoje à tarde seu último treino de preparação para o dérbi. A equipe entra em campo contra o Corinthians amanhã, a partir das 19h, pelo Campeonato Brasileiro, na Arena Corinthians.

Palmeiras