Topo

Após tentativa de assédio, Coritiba lança campanha por respeito no estádio

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

30/07/2019 19h29

O Coritiba decidiu criar uma campanha que pede respeito às pessoas presentes ao Couto Pereira em seus jogos, a partir da tentativa de assédio de um torcedor a outra, de menor idade, durante uma partida do clube neste ano pela Série B. Na ocasião, durante o jogo contra o São Bento (vitória por 2 a 1), um homem de 39 anos exibiu e tentou esfregar a genitália em uma jovem, mas foi contido pela multidão e levado para a Polícia.

O vídeo está sendo exibido durante os jogos do clube e a ideia é que assim seja até o final do ano. Ele não estava disponível em nenhuma rede social do clube, que cedeu a produção ao UOL Esporte. De acordo com a assessoria de imprensa do Coxa, o clube "Viu a necessidade de uma manifestação. Foi um vídeo pensado para o Couto Pereira. Não é uma campanha que fez especialmente para redes sociais. Poderá ir, sem problema algum".

A identidade da jovem está sendo preservada, enquanto que o assediador responde por inquérito criminal por importunação sexual.

Para a produção, o Coxa convidou torcedores que gravaram a mensagem nas dependências do clube.

Coritiba