PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Conmebol adia jogo do Cruzeiro por dificuldade para rival deixar Venezuela

Cruzeiro fez a primeira partida na Libertadores diante do Huracán, da Argentina - Juan Ignacio Roncoroni/EFE
Cruzeiro fez a primeira partida na Libertadores diante do Huracán, da Argentina Imagem: Juan Ignacio Roncoroni/EFE

Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

12/03/2019 21h32

A partida entre Cruzeiro e Deportivo Lara, da Venezuela, teve a data alterada. O jogo, que aconteceria na noite de amanhã, será no dia seguinte, às 19h15 (de Brasília). A troca foi confirmada pela Conmebol na noite de hoje.

A entidade optou pelo adiamento do confronto devido ao problema enfrentado pelos venezuelanos na saída do país. Com dificuldades para deixar o local por conta da crise energética, a delegação do Deportivo Lara não chegou a Belo Horizonte 24 horas antes do jogo, como determina o regulamento da Libertadores.

Desta forma, a Conmebol optou pela alteração do confronto, válido pela segunda rodada do Grupo B do torneio continental, para depois de amanhã. O horário será mantido.

Antes de ratificar a alteração, a Conmebol entrou em contato com a diretoria do Cruzeiro para ter aval da cúpula. Diante do sinal verde dos mineiros, a entidade ratificou a alteração.

Esta será a segunda vez seguida que a situação política da Venezuela interfere em um jogo do Deportivo Lara. O duelo de estreia, diante do Emelec, do Equador, também foi adiado por conta da falta de energia no Estádio Metropolitano de Barquisimeto. Sem os refletores, o duelo ocorreu no período da tarde.

Diante do imbróglio, é possível que a partida entre Tupi e Cruzeiro, pela 10ª rodada do Campeonato Mineiro, marcada inicialmente para o sábado (16), também tenha a data alterada. A Federação Mineira de Futebol (FMF) deve se manifestar nos próximos dias sobre o caso.

Cruzeiro