PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Inter acelera obras e quer abrir setor sem cadeiras do Beira-Rio no Gauchão

Setor sem cadeiras do estádio Beira-Rio passa por últimos ajustes antes de ser liberado - Divulgação/SC Inter
Setor sem cadeiras do estádio Beira-Rio passa por últimos ajustes antes de ser liberado Imagem: Divulgação/SC Inter

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

01/03/2019 04h00

O Internacional quer estrear o setor sem cadeiras do Beira-Rio antes do previsto originalmente. O plano inicial era abrir os portões da área sem assentos contra o Alianza Lima, pela Libertadores, mas a diretoria tem atuado em ritmo acelerado para conseguir autorização antes. A ideia atual é usar o local, atrás de um dos gols, já contra o Aimoré, em 10 de março.

A área já se encontra sem os assentos instalados quando da reforma para Copa do Mundo de 2014. O setor, sem as cadeiras, irá comportar até cinco mil pessoas. Antes, a mesma área recebia no máximo 3,8 mil torcedores.

O clube gaúcho ainda precisa instalar equipamentos que complementam o projeto autorizado pelo Corpo de Bombeiros, um dos itens é isolamento do setor com vidros. Após a etapa, as autoridades serão chamadas para uma vistoria e com isso o laudo liberatório é emitido.

Na próxima quarta-feira, o Internacional estreia na Libertadores contra o Palestino, no Chile. No dia 10 de março, o time de Odair Hellmann joga no Beira-Rio contra o Aimoré, pela nona rodada do Gauchão e é aí que o clube quer abrir o setor pela primeira vez.

O plano original previa acesso de público ao setor sem cadeiras somente no jogo com o Alianza Lima, em 13 de março, pela segunda rodada do grupo A da Libertadores. A partida com os peruanos só vai continuar como marco do projeto de popularização do estádio se a vistoria e os laudos não foram obtidos antes.

A diretoria do Internacional abraçou o pedido dos torcedores ainda em 2017, quando iniciou os primeiros estudos para retirar assentos de uma faixa da arquibancada do estádio. No final do ano passado, após o Brasileirão, as obras foram iniciadas.

Nesta temporada, o Inter já jogou três partidas no Beira-Rio e o setor sem cadeiras ficou interditado. Outra área do estádio também não recebeu público, mas em virtude de punição do STJD por briga no Gre-Nal do estadual do ano passado. A sanção já foi encerrada.

Internacional