PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Flamengo encara burocracia e fica sem casa às vésperas de jogo do ano

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

28/02/2019 04h00

Com a interdição do Ninho do Urubu, o Flamengo se vê sem um local adequado para trabalhar a quatro dias do mais importante compromisso do ano até o momento. Na terça (5), a equipe encara o San José (BOL), na altitude de Oruro, às 21h30, pela estreia na Copa Libertadores

Enquanto não tem previsão de retomar as atividades no Ninho, o departamento de futebol programou o treino de ontem para a Gávea. Apesar do campo e das dependências da sede social terem passado por melhorias, o local não traz ao técnico Abel Braga e aos jogadores a privacidade necessária para o trabalho cotidiano. Além disso, os espaços são mais apertados e não há local para descanso e alimentação.

Na tarde de ontem, o elenco treinou no local e chamou a atenção de sócios e crianças que fazem escolinhas no clube. Em meio à confusão generalizada causada pelo incêndio em seu centro de treinamento, o Fla volta a campo na noite desta quinta. Hoje, a equipe encara a Portuguesa, às 21h, no Raulino de Oliveira, pelo Carioca.

O Flamengo acredita que o Ninho do Urubu não ficará fechado por muito tempo. Segundo a diretoria rubro-negra, as pendências verificadas em vistorias recentes já foram resolvidas e resta apenas um "ok" em visita do Corpo de Bombeiros para que o centro de treinamento, enfim, tenha autorização para funcionar.

A questão, no entanto, é bem mais complexa do que o clube sugere. Ontem, o Flamengo protocolou a baixa da notificação emitida anteriormente, que englobava a apresentação de um novo projeto de segurança contra incêndio e pânico e a manutenção dos dispositivos existentes. Esta etapa não muda em absolutamente nada o processo de regularização em si.

Quando os órgãos de segurança vistoriaram o local, dias após o incêndio, o clube foi informado de que precisaria apresentar um novo projeto de segurança, o que foi feito pelo Rubro-negro. A partir daí, toda a nova documentação será analisada e, caso tudo esteja em ordem, alguns laudos serão liberados. Só de posse desta papelada é que os Bombeiros fazem uma nova visita que será determinante para a concessão do Certificado de Aprovação.

Ainda que a direção rubro-negra caminhe a passos rápidos, o processo não se desenrola do dia para a noite, já que está vinculado a trâmites burocráticos. Em nota, a corporação acrescentou "que o tempo para a regularização está diretamente ligado ao cumprimento da legislação vigente por parte do responsável legal de qualquer edificação".

PORTUGUESA X FLAMENGO

Data/hora: 28/02/2019, às 21H30h (de Brasília)
Local: Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Árbitro:  Philip Georg Benett
Auxiliares:  Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá

Portuguesa
Ruan; Filippe Formiga, Marcão, André Santos e Zeca; Chacal, João Cleriston, Diguinho, Maicon Assis (Douglas Eskilo) e Romarinho; Tiago Amaral. Técnico: Ailton

Flamengo
Diego Alves; Pará, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar, Arão, Diego e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabriel. Técnico: Abel Braga

Flamengo