PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Sarri fala em incapacidade de motivação e corre risco no Chelsea após 4 a 0

John Sibley/Reuters
Imagem: John Sibley/Reuters

Do UOL, em São Paulo

31/01/2019 07h34

O técnico do Chelsea, Maurizio Sarri, tem o seu cargo em risco depois da derrota por 4 a 0 para o Bournemouth na última quarta-feira (30), apontam jornais britânicos como o "Daily Mail".

Vivendo um momento de instabilidade, o time londrino caiu para a quinta posição do Campeonato Inglês e viu o treinador falar pela segunda vez em um curto espaço de tempo em dificuldade em motivar o grupo. 

Leia também

"Eu me sinto frustrado. Não sob pressão. Eu não vi o sinal do meu trabalho. Então estou frustrado. Talvez seja minha culpa, talvez eu não seja capaz de motivá-los. Mas a equipe é muito forte, também é capaz de vencer sem o técnico", disse o treinador.

Há dez dias, após derrota para o Arsenal, Sarri já tinha entrado em polêmica ao dizer que era difícil motivar o grupo do Chelsea. O treinador ainda disse na última quarta-feira que se o principal craque do time, Eden Hazard, "quiser sair, ele tem que sair".

A pressão em cima de Hazard foi visível na reação da torcida, que entoou "você não sabe o que está fazendo" nas arquibancadas. 

"Temos apenas que pedir desculpas aos nossos fãs. Podemos perder, claro, em todas as partidas, mas não desta maneira. Precisamos resolver o problema. Precisamos entender onde está o problema", disse.

O Chelsea volta a campo no próximo sábado para encarar o Huddersfield. 
 

Futebol