PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Santos substitui alambrado por vidro em "retrofit" da Vila Belmiro; veja

Reprodução
Imagem: Reprodução

Eder Traskini

Colaboração para o UOL

30/01/2019 12h08

Alambrados são coisa do passado. Desde a Copa do Mundo de 2014, as modernas Arenas contam, no máximo, com vidros para separar o torcedor do gramado. Passando por obras que o presidente José Carlos Peres gosta de chamar de "retrofit", a Vila Belmiro também começa a entrar nessa nova Era. A reportagem do UOL Esporte teve acesso a imagens exclusivas do avanço nas reformas.

Interditado após a estreia do Santos no Campeonato Paulista, no último dia 19, o estádio vem passando por obras e deve ficar ao menos 60 dias sem receber nenhuma partida. Neste período, o Peixe deve mandar a maioria de seus jogos no Pacaembu, em São Paulo, e alguns outros no interior do estado. O presidente José Carlos Peres explicou que a reforma também é uma precaução.

Leia também:

"Tivemos problema em uma rachadura na marquise, isso nos preocupou, mesmo com a certificação. Com ou sem certificação, tivemos catástrofe em Minas Gerais. Existem rebocos de cada reforma na marquise e poderia cair. Tivemos preocupação em interditar para evitar qualquer acidente, depois da tragédia não adianta justificar. A ideia é retrofit da Vila, mantendo a nossa meca", disse o mandatário em reunião do Conselho Deliberativo na última terça-feira.

Santos inicia remoção do alambrado na Vila Belmiro - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Além dos reparos estruturais, a intenção é modernizar o local e melhorar a experiência para o torcedor e o primeiro passo foi a substituição dos alambrados que atrapalhavam a visão por vidros baixos no setor de arquibancada dos portões 7/8, onde ficam as torcidas organizadas.

Outro foco da reforma é a demolição dos setores de imprensa e de pessoas com deficiência, que ficavam já na parte do gramado atrás do gol do placar, como forma de ganhar mais espaço no local. Agora, a imprensa de rádio e televisão ficará em um espaço construído no lugar do camarote térreo na lateral do gramado, localizado abaixo das cadeiras.

A previsão é que o Santos volte a jogar em seu estádio apenas na segunda fase do Campeonato Paulista: as quartas de final agendadas para os dias 24 e 31 de março.

Vila Belmiro - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Futebol