Topo

Futebol


São Paulo faz jogo duro e não deve negociar Lucas Perri

Goleiro revelado pelo Tricolor disputa lance com Diego Souza nos Estados Unidos - Rubens Chiri/saopaulofc.net
Goleiro revelado pelo Tricolor disputa lance com Diego Souza nos Estados Unidos Imagem: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Bruno Grossi e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

08/01/2019 12h20

Na semana passada, o São Paulo recebeu uma proposta da Fiorentina, da Itália, para vender o goleiro Lucas Perri. E a diretoria tricolor, a princípio, não tem interesse em levar as conversas adiante. O arqueiro é visto como uma grande aposta e o clube paulista considerou a oferta muito baixa. O contrato atual termina em abril de 2022.

MERCADO DA BOLA:
- Fluminense se anima por Nenê, mas precisa de "ajuda" do São Paulo
- Sem mexer no elenco, São Paulo pode receber mais de R$ 60 milhões

Perri terminou a última temporada como terceiro goleiro e vislumbrava crescimento em 2019 com a saída de Sidão e a efetivação de André Jardine como técnico da equipe profissional. O São Paulo, porém, foi ao mercado contratar mais um jogador para a posição. Tiago Volpi chegou por empréstimo de um ano do Querétaro, do México, com opção de compra. Além disso, os tricolores podem adquirir mais 30% dos direitos de Jean, que ainda estão com o Bahia.

Então, a tendência é que Perri volte a ser a terceira opção para o gol. O garoto formado em Cotia segue treinando nos Estados Unidos com o restante do grupo, que tem ainda o novato Júnior, e espera os jogos da Florida Cup para saber se terá sua primeira oportunidade na equipe principal.

O torneio amistoso e o Campeonato Paulista são vistos como grandes oportunidades para Perri mostrar seu potencial. Tanto para ter mais chances no São Paulo como para ampliar o mercado para uma eventual saída.

Mais Futebol