PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Corinthians investe em volantes e aumenta concorrência no setor para 2019

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

29/12/2018 04h00

O Corinthians iniciará a temporada 2019 com forte concorrência entre os volantes do elenco. Entre contratações e saídas de jogadores, o time alvinegro comandado pelo técnico Fábio Carille terá sete opções para a posição no início do ano.

Nos últimos dias, o clube acertou com dois volantes. Richard deixou o Fluminense, e Ramiro, que também atua como meia direita, o Grêmio. Em contrapartida, Paulo Roberto foi negociado com o Fortaleza - no Corinthians há duas temporadas, ele foi emprestado ao time cearense por um ano.

Dessa forma, Carille terá três atletas para a posição de primeiro volante: Ralf, titular na maior parte da atual temporada, Gabriel, que perdeu espaço justamente pela chegada do campeão mundial, e o recém-contratado Richard. Mais à frente, serão quatro atletas à disposição de Carille: Thiaguinho, Douglas, Ramiro e Renê Júnior.

Thiaguinho terminou 2018 como titular, depois de ganhar espaço ao longo dos meses. Contratado depois de se destacar pelo Nacional na Série A2 do Campeonato Paulista, quando Carille ainda comandava o Corinthians, o volante conseguiu sequência na equipe de Jair Ventura na reta final do Brasileirão.

Douglas, por sua vez, terminou o ano em baixa. Titular no início da trajetória no Corinthians, o ex-jogador do Fluminenseficou em xeque na sequência e perdeu a posição para Thiaguinho. Vale lembrar que ele foi contratado para suprir a falta de Maycon, negociado com o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, depois que Carille deixou o Corinthians rumo ao Al-Wehda.

Já Renê Júnior voltará aos gramados depois de uma grave lesão no joelho sofrida em julho. O volante, que chegou ao Corinthians há um ano, viveu sua melhor fase com Carille, com quatro jogos seguidos como titular no Paulistão. A sequência foi interrompida por um problema muscular.

A quantidade elevada de volantes no elenco corintiano fez o retorno de Camacho ficar inviável. Emprestado até o fim deste ano ao Atlético-PR, o jogador, que sempre foi muito utilizado por Carille, deve renovar com o time paranaense.

A expectativa é que Carille coloque em prática o esquema 4-2-3-1, usado por ele durante toda a temporada 2017. O time alvinegro busca a retomada da solidez defensiva, que deve ser a prioridade no começo do trabalho do treinador. Ramiro, assim, pode ser escalado à direita da linha de três, com Jadson ou Sornoza ao lado e um jogador à esquerda. Na frente, o clube ainda busca um nome para enfim suprir a falta de Jô.

Futebol