PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Quem é o bilionário dono de time inglês que quer ser presidente do Uruguai

Sartori (esq.) em entrevista a uma rádio; seu plano é investir em comunicação e redes sociais - Reprodução/Twitter
Sartori (esq.) em entrevista a uma rádio; seu plano é investir em comunicação e redes sociais Imagem: Reprodução/Twitter

Do UOL, em São Paulo

19/12/2018 04h00

Apaixonado por futebol, bilionário, dono de um time e pré-candidato a presidente de seu país. Todas essas credenciais pertencem a um homem de 37 anos que tenta aumentar seu poder na América do Sul. O uruguaio Juan Sartori é visto como um bilionário excêntrico que pretende abalar as estruturas da política em seu país.

A paixão de Sartori é o futebol. Desde 2017, ele é um dos donos do Sunderland, tradicional time inglês que caiu recentemente para a terceira divisão. Morando na Europa desde a adolescência, Sartori primeiro tentou comprar o Oxford, mas o negócio deu errado. Foi quando surgiu a oportunidade de investir no Sunderland.

Mas o uruguaio gosta tanto de futebol que, assegura, joga três vezes por semana, mesmo estando em constantes deslocamentos para compromissos profissionais. "Sempre estou em um avião viajando. Costumo passar dez dias nos Estados Unidos, dez dias na América do Sul e outros dez na Europa. Em todos os lugares, jogo futebol três vezes por semana para manter a forma", contou ao diário Ovación.

Até sua mulher é ligada ao futebol. O uruguaio é casado com Ekaterina Rybolovleva, filha do magnata russo Dmitri Rybolovlev. Ekaterina é proprietária majoritária do Monaco, da primeira divisão do Campeonato Francês.

Sartori, por sua vez, fez fortuna na agricultura e expandiu seus negócios para diferentes áreas, como energia e infraestrutura. Sua empresa possui tantas fazendas no Uruguai que se calcula que ele seja dono de 1% da área total do país.

Agora, seu novo projeto está na política. Ele se filiou ao Partido Nacional, uma das siglas de direita mais tradicionais do Uruguai, e já lançou sua pré-candidatura. Como não é tão conhecido em seu próprio país, já que mora há mais de duas décadas na Europa, Sartori investiu em uma campanha de marketing lançando nas redes sociais a pergunta "Quem é Sartori?".

Depois de incentivar essa dúvida, o bilionário convocou imprensa, políticos e convidados para um evento em um teatro de Montevidéu para se apresentar oficialmente. Sua estratégia, segundo o El País, estará muito apoiada nas redes sociais e em um grande investimento em comunicação para as eleições de 2019. Os concorrentes de dentro de seu partido e os demais políticos acompanham atentamente os passos de Sartori.

Futebol