PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Modric ataca Simeone após carta pró-Griezmann: "Necessidade de menosprezar"

Croata venceu tanto o The Best da Fifa, quanto a Bola de Ouro da France Football - Franck Fife/AFP
Croata venceu tanto o The Best da Fifa, quanto a Bola de Ouro da France Football Imagem: Franck Fife/AFP

Do UOL, em São Paulo

15/12/2018 09h41

A carta divulgada pelo técnico argentino Diego Simeone dizendo que Antoine Griezmann, seu comandado no Atlético de Madri, merecia vencer o prêmio "Bola de Ouro", organizado pela revista France Football, que reconhece o melhor jogador do mundo no ano, não foi bem recebida pelo verdadeiro vencedor da premiação, o croata Luka Modric. Em entrevista ao diário "Sportske Novosti", de seu país, o meia do Real Madrid deu forte resposta ao técnico do time rival na Espanha.

"Estou de acordo com que Simeone defenda que Griezmann é o melhor, mas é ruim que ele tenha a necessidade constante de menosprezar o Real Madrid e seus jogadores. Ele aproveita cada oportunidade para insinuar situações que não são reais para explicar os triunfos do Real Madrid. Tenho grande respeito ao Simeone e ao Atlético e seus torcedores, mas não é justo e nem correto que nossas vitórias, inclusive na Champions League, se tornem uma tese populista. Nós felicitamos quando fomos vencidos", disparou o jogador de 33 anos.

Vice-campeão mundial pela seleção da Croácia, Modric foi o primeiro jogador desde 2007 a quebrar a disputa direta entre Messi e Cristiano Ronaldo e receber o prêmio The Best, promovido pela Fifa para homenagear o melhor jogador do mundo. Esta eleição foi em setembro. Neste mês de dezembro ele também recebeu o prêmio da France Football, consolidando sua condição de protagonista no Real Madrid e na seleção croata

A carta de Simeone, por sua vez, foi publicada em 27 de novembro, antes da eleição de Modric. O técnico argentino fez coro para que Griezmann levasse o prêmio: "Podemos dizer que Messi e Cristiano Ronaldo são os melhores do mundo. Mas este ano de 2018, não! Foi Antoine acima de tudo. Neste ano de 2018, nenhum jogador do mundo fez mais importanes por sua equipe do que Griezmann pela França e pelo Atlético". O francês terminou em terceiro lugar, atrás de Modric e Cristiano Ronaldo.

Futebol