PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Peres diz que ousadia e "marca Santos" fizeram clube contratar Sampaoli

Sampaoli comandou seleções de Chile e Argentina antes de fechar com o Santos - AFP
Sampaoli comandou seleções de Chile e Argentina antes de fechar com o Santos Imagem: AFP

Do UOL, em Santos (SP)

13/12/2018 15h43

O presidente do Santos, José Carlos Peres, emitiu uma nota oficial no site do clube explicando a contratação do técnico Jorge Sampaoli. O mandatário lembrou que o clube paulista não tem o maior orçamento do futebol brasileiro, mas disse que o alvinegro praiano tem a maior marca entre os clubes brasileiros, fato que atrai grandes nomes, como o de Sampaoli, e outros jogadores.

Peres lembrou a contratação do trio de gringos realizada em sua gestão no meio deste ano - casos do uruguaio Carlos Sánchez, que rapidamente virou ídolo da torcida, do meia costarriquenho Bryan Ruiz e do atacante paraguaio Derlis González.

Apesar de presidente santista citar o orçamento modesto, Sampaoli terá um dos maiores salários do futebol brasileiro entre os treinadores.

Segundo apurou o UOL Esporte, o argentino receberá US$ 2 milhões por temporada (cerca de R$ 7,7 milhões) de ordenado. Desta forma, o técnico argentino receberá US$ 166 mil (equivalente a R$ 644 mil) por mês para comandar o Santos por duas temporadas.

Confira o texto de Peres na íntegra:

A vida precisa de ousadia. Podemos não ter o maior orçamento do futebol brasileiro, mas temos a maior marca entre os clubes nacionais e precisamos saber utilizá-la. Assim conseguimos atrair jogadores como Carlos Sánchez, Bryan Ruiz, Derlis González e agora o técnico Jorge Sampaoli.

Santos FC é sinônimo de jovens talentos, futebol ofensivo, uma magia histórica e única. Nada melhor para comandar esse potencial que um técnico experiente, de nível internacional e com ideias novas. Será importante não só para o clube mas como para o nosso futebol. É uma grande atração que com certeza mobilizará nossa torcida nas próximas temporadas.

Seguimos na missão de, com criatividade e responsabilidade, elevar aos poucos o Santos FC para um novo patamar, mais profissional e inovador. Negociação não se faz com pressa.

Futebol