PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Santista Diogo Vitor é punido com dois anos de suspensão em caso de doping

Ivan Storti/Santos FC
Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos

30/10/2018 20h02

Suspenso por doping pela Fifa, Diogo Vitor foi julgado pela Câmara do Rio de Janeiro nesta terça-feira (30). A punição é uma suspensão de dois anos que teve início em 18 de abril deste ano, de modo que terá validade até abril de 2020.

O atacante do Santos já havia sido afastado preventivamente do futebol por ter sido flagrado em exame antidoping após a partida contra o Botafogo-SP, na Vila Belmiro, em março deste ano. Em seu organismo, foi constatado um metabólito da cocaína.

Segundo apurou o UOL Esporte, Diogo Vitor não realizou o tratamento estipulado pelo clube e até rejeitou se recuperar na clínica Greenwood, em Itapecerica da Serra, a mesma que abrigou o ex-jogador e comentarista da TV Globo, Walter Casagrande.

Os dirigentes santistas alegam que ele sequer se submeteu à consulta inicial na clínica para que o Santos assinasse o contrato para o tratamento. O clube consultou outras clínicas, mas estava disposto a investir um "bom valor" mensal na Greenwood para ajudar na recuperação do jogador.

Futebol