PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Vice do Santos diz que vídeo de agente dando dinheiro a sócio é 'suspeito'

Do UOL, em Santos (SP)

28/09/2018 20h12

O vice-presidente Orlando Rollo, que pode assumir o comando do Santos em caso de impeachment de José Carlos Peres nesse sábado (29), disse em entrevista nesta sexta-feira (28) que o vídeo em que um empresário de jogadores aparece dando dinheiro a um sócio para votar a favor da destituição de Peres é, no mínimo, suspeito.

O vídeo, inicialmente divulgado em matéria do Globoesporte.com, mostra o empresário Henrique Oliveira dando R$ 250 a um sócio, que filma todo episódio. Depois de receber o dinheiro, ele entra no clube, quita o débito que tinha e em seguida dá a nota fiscal para o agente.

“Realmente é um fato muito grave, mas achei muito suspeito. Todo mundo sabe que sou Policial Civil há anos e a gente consegue saber de uma fraude só de olhar. O funcionário da empresa de esportes, o agente, deixou ser filmado por uma câmera gigante, uma Go-Pro, se comparada a outras”, declarou o vice-presidente à Rádio Bandeirantes.

Ainda de acordo com Orlando Rollo, o empresário em questão foi visto em uma negociação com o gerente de futebol da base de Santos, um dos parceiros de Peres na gestão do Santos.

“E o mais suspeito de tudo é que essa pessoa se deixou sair numa postagem com o gerente de base, Marco Antônio Maturana, inclusive tendo a intenção de colocar jogadores na base. Para quem não sabe, Maturana é um dos braços direito do Peres. Ele nunca teve contato comigo. Achei muito suspeito essa pessoa ter uma ligação direta com um braço direito do Peres”, disse.

A votação para permanência ou impeachment de José Carlos Peres acontece a partir das 10h deste sábado (29), na Vila Belmiro, e segue até 18h. Caso a maioria opte pela saída de José Carlos Peres, Orlando Rollo assume o clube santista.

Futebol