PUBLICIDADE
Topo

Futebol

FPF subsidia curso para times darem "diploma" aos seus profissionais

Mauro Silva, hoje dirigente da FPF, defendeu profissionalização em evento no exterior - Divulgação/FPF
Mauro Silva, hoje dirigente da FPF, defendeu profissionalização em evento no exterior Imagem: Divulgação/FPF

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

27/09/2018 04h00

Crítica ao futebol brasileiro, a FPF tem defendido que os seus filiados adotem cada vez mais o caminho da profissionalização. Para isso, a entidade realizará 10 cursos em sua sede no próximo ano e subsidiará metade dos custos, dividindo a outra parte com os participantes. Nesta temporada, o foco será as categorias de base, convidando os coordenadores e treinadores dos jovens. A médio prazo, a entidade quer que todos os profissionais tenham “diploma”.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

Futebol