PUBLICIDADE
Topo

Futebol

São Paulo começa a tirar "centro de inteligência" por reforços do papel

Bruno Grossi

Do UOL, em São Paulo

26/09/2018 04h00

O São Paulo está no mercado para, enfim, montar seu centro de inteligência para prospecção de reforços. O clube deve contratar até dois profissionais para análise de desempenho e scout. Atualmente, dois analistas já trabalham na comissão técnica: Luis Felipe Batista e Raony Thadeu. A ideia de ter mais pessoas na equipe é manter a busca por reforços ativa durante todo o ano com mais intensidade, e não somente antes das janelas de transferências. A ampliação desse departamento era prometida desde o fim de 2015, no início da gestão de Carlos Augusto de Barros e Silva, como um objetivo do ex-diretor Gustavo Oliveira, mas havia congelado. Raí, que curiosamente é tio de Gustavo, retomou o projeto.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

Futebol