PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Huracán oficializa ida à Fifa e pede R$ 40 milhões por meia do Inter

Martín Sarrafiore treina sob olhar atento do técnico Odair Hellmann no Inter - Ricardo Duarte/Inter
Martín Sarrafiore treina sob olhar atento do técnico Odair Hellmann no Inter Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Do UOL, em Porto Alegre

26/09/2018 09h45

Através de seu site oficial, o Huracán informou que ingressou com ação na Câmara de Resoluções e Disputas da Fifa contra o Internacional, Martín Sarrafiore e Matias Sabbag, agente do atleta. O clube argentino cobra 10 milhões de dólares (R$ 40,7 milhões) na contratação do jogador.

A alegação do Huracán é conhecida. O clube argentino defende que Internacional e jogador começaram a conversar sobre o pré-contrato firmado no início deste ano antes do período em que o atleta é autorizado legalmente a isso, seis meses antes do término de seu vínculo vigente.

Já o Internacional alega que cumpriu com as exigências legais da Fifa e contratou o atleta de forma transparente.

Segundo a nota oficial do clube argentino, a Federação Gaúcha de Futebol também foi responsável no trâmite pois organizou a Copa Ipiranga, torneio em que Sarrafiore se destacou e chamou atenção do Colorado.

O valor cobrado se refere a multa rescisória prevista no contrato passado do jogador. O Inter, por sua vez, admite pagar apenas o mecanismo de solidariedade da Fifa, que se refere a formação do atleta.

Aos 21 anos Sarrafiore ainda não estreou no principal do Inter, mas já realizou partidas pelo time B. Adaptado ao time e à cidade, ele é um dos destaques dos treinamentos do Inter e foi relacionado para uma partida no Brasileiro até agora, mas não entrou.

Futebol