PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Evento da Fifa reforça status de Mbappé como ameaça a Neymar ao topo

Caio Carrieri

Colaboração para o UOL, em Londres (ING)

25/09/2018 08h14

“Na última Copa do Mundo todo o planeta conheceu a mais nova estrela do futebol”.

A frase do ator britânico Idris Elba na abertura do evento The Best, da Fifa, na última segunda-feira (24), sintetiza o status alcançado por Kylian Mbappé logo aos 19 anos. À exceção dos finalistas dos prêmios individuais, o francês foi o nome mais celebrado durante a cerimônia, o que ratifica a condição como uma das principais ameaças a Neymar nas próximas edições – isso se o brasileiro retomar o bom desempenho.

Primeiro jogador com menos de 20 anos desde Pelé a marcar um gol na final de um Mundial, Mbappé já havia faturado o troféu de revelação na Rússia. Além de relembrar a honraria nesta segunda, a Fifa ressaltou, por meio da mestre de cerimônia Anne-Laure Bonnet, os elogios do Rei ao campeão do mundo. Vestido com um traje discreto e sentado na terceira fileira do auditório do Royal Festival Hall, em Londres (ING), o atacante abriu um sorriso de garoto para responder os comentários de Pelé.

“Estou muito feliz por receber as saudações de um dos maiores de todos os tempos. Isso é uma motivação ainda maior para conquistar mais títulos e prêmios”, disse em francês o quarto melhor do mundo, que só não esteve entre os finalistas por apenas 0,71% de diferença para o atacante egípcio Mohamed Salah, do Liverpool, terceiro colocado.

Em mais um momento de destaque que teve durante a noite, o astro do Paris Saint-Germain ainda estreou na seleção da temporada. Na vaga que Neymar ocupou em 2017, Mbappé formou o ataque da equipe ao lado de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, que não compareceram à solenidade.

Neymar, por outro lado, amargou ausência do top 10 geral pela primeira vez após cinco edições seguidas entre os indicados. No ano passado e em 2015 ele ainda alcançou o pódio e ficou em terceiro.

A única menção ao capitão da seleção brasileira no evento aconteceu logo no clipe de apresentação inicial da noite, com uma imagem do camisa 10 na estreia na Copa diante da Suíça - quando virou motivo de piada nas redes sociais por causa do corte de cabelo extravagante.

Confira a lista de vencedores na premiação The Best:

Melhor jogador (futebol masculino): Modric
Melhor jogadora (futebol feminino): Marta
Premio Puskás (gol mais bonito): Mohamed Salah
Melhor técnico (futebol masculino): Didier Deschamps
Melhor técnico (futebol feminino): Reynald Pedros
Melhor goleiro: Thibaut Courtois
Melhor torcida: Peruanos na Copa do Mundo
Fair Play: Lennart Thy
Seleção da temporada: David De Gea (Manchester United/Espanha); Dani Alves (PSG/Brasil), Sergio Ramos (Real Madrid/Espanha), Raphael Varane (Real Madrid/França) e Marcelo (Real Madrid/Brasil); Luka Modric (Real Madrid/Croácia), N’Golo Kanté (Chelsea/França) e Eden Hazard (Chelsea/Bélgica); Lionel Messi (Barcelona/Argentina), Kylian Mbappé (PSG/França) e Cristiano Ronaldo (Juventus/Portugal)

Futebol