PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Atlético-MG faz consulta por Diego Tardelli e avalia retorno em 2019

Diego Tardelli já esteve no estádio Independência para assistir a jogo do Atlético-MG - Divulgação/Atlético-MG
Diego Tardelli já esteve no estádio Independência para assistir a jogo do Atlético-MG Imagem: Divulgação/Atlético-MG

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

18/09/2018 04h00

O Atlético-MG fez o primeiro contato para descobrir a situação de Diego Tardelli no Shandong Luneng, da China. Ídolo do clube, ele tem contrato até o fim de janeiro e pode retornar ao Brasil em 2019. Na Cidade do Galo, o jogador é tratado como prioridade.

A informação sobre a consulta do Galo pelo jogador de 33 anos foi divulgada pelo globoesporte.com e confirmada pelo UOL Esporte.

O primeiro contato do clube foi feito com os agentes do atacante. A boa relação com os empresários Giuliano Bertolucci e Beto Fedato e os empreendimentos do atleta em Belo Horizonte são fatores favoráveis na ideia de repatriá-lo na próxima janela de transferências.

Tardelli e a mulher Vanessa Linda são sócios de uma loja para bebês na capital mineira. Eles também têm participação na filial do restaurante Paris 6 aberta na cidade. A identificação do jogador com o local é um fator considerado positivo na tentativa de buscá-lo de volta.

Outro ponto avaliado como positivo é a boa relação do diretor de futebol Alexandre Gallo com os representantes de Diego Tardelli. O dirigente fez negócio com Bertolucci para contratar o meia-atacante Nathan há um mês.

Apesar dos pontos positivos, o aspecto financeiro é o que preocupa a diretoria do Galo. O jogador recebe anualmente cerca de 4 milhões de euros (R$ 19,32 milhões). O valor é tido como inviável para o clube de Belo Horizonte.

Futebol