PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Santos, SP e Fla desdenham de decisão da Fifa sobre títulos mundiais

Faixa dada a Pelé pela vitória do Santos no Mundial de 1962 - Julien"s
Faixa dada a Pelé pela vitória do Santos no Mundial de 1962 Imagem: Julien's

Do UOL, em São Paulo

27/10/2017 11h09

O Santos, São Paulo e Flamengo não deram importância ao fato de a Fifa reconhecer como legítimos campeões os clubes que venceram Copas Intercontinentais. Os três times entendem que a validação tem pouco efeito, pois já se consideravam campeões do mundo.

Em sua página na internet, o Santos escreveu: “Sem novidades 1962 e 1963”, citando o bicampeonato do clube contra Benfica e Milan, respectivamente.

Campeão do mundo em 1981, em decisão contra o Liverpool, no Japão, o Flamengo foi irônico: “Lembrar você, sou campeão mundial”.

O UOL Esporte apurou que o São Paulo não deve se manifestar sobre decisão da Fifa, pois considera que ela em nada interfere na história no clube ou na importância do que foi conquistado no passado. Nesta sexta, a Fifa reconheceu as conquistas de 1992 (final contra o Barcelona) e 1993 (final contra o Milan).

No formato atual do Mundial de Clubes, organizado pela Fifa, o São Paulo ganhou em 2005 (contra o Liverpool).

O Grêmio não se pronunciou oficialmente sobre o reconhecimento do título de 1983, alcançado após vitória frente ao Hamburgo, 2 a 1, no Japão.

* Colaborou o jornalista José Eduardo Martins

Futebol