PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Sumiu! Após "folgão", Zeca falta em 2 dias de treino e preocupa santistas

Torcida ameaçou Zeca em pichações na Vila Belmiro na semana passada - Ale Cabral/AGIF
Torcida ameaçou Zeca em pichações na Vila Belmiro na semana passada Imagem: Ale Cabral/AGIF

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

26/10/2017 16h42

O lateral esquerdo Zeca não treinou nesta semana. Ele faltou ao treinamento do Santos na última quarta-feira, no CT Rei Pelé. O UOL Esporte apurou que todos estavam preocupados no clube pela ausência do jogador, pois não sabiam o motivo dele não ter comparecido ao trabalho. 

Nesta quinta-feira, Zeca não compareceu novamente ao clube para treinar com os demais companheiros. A assessoria de imprensa do Santos alega que Zeca foi dispensado para resolver problemas particulares na última quarta-feira e que não sabe dizer ainda o motivo dele não ter se apresentado nesta quinta.

O curioso é que o jogador, assim como a maioria dos atletas, já não havia comparecido ao clube nos últimos dois dias – segunda e terça-feira – pois o técnico Levir Culpi concedeu folga ao elenco.

Já assessoria de imprensa de Zeca não conseguiu contato com ele durante esta quinta-feira e promete passar uma posição em breve.

A maioria dos companheiros de trabalho ficaram preocupados com a ausência de Zeca pois ele tem recebido ameaças da torcida do Santos.

O lateral está em conflito com a torcida do Santos e quase foi agredido no aeroporto no retorno da delegação santista de Recife, onde o time havia empatado com o Sport na semana passada.

Zeca cobrou os torcedores com gestos após fazer cruzamento para o gol de Jean Mota no duelo contra o Vitória, no Pacaembu, no início da semana passada. Se não bastasse, o lateral fez uma publicação polêmica nas redes sociais mostrando o “dedo do meio” respondendo a reclamações e depois apagou rapidamente.

Zeca vive um mau momento com a camisa do Santos. Levir, inclusive, trocou o jogador de posição na vitória contra o Atlético-GO. Insatisfeito com o atleta na lateral esquerda, ele foi deslocado para a direita. Com isso, Jean Mota assumiu a sua posição.

Antes de pressionar Zeca no aeroporto, a torcida santista já havia ameaçado o jogador em pichações na Vila Belmiro. “Zeca, FDP, c..., nós vamos ‘se’ trombrar”, escreveu os torcedores.

Zeca já ganhou 3 dias folga sozinho

Não é a primeira vez que Zeca não se reapresenta após dois dias de folga do elenco. Em agosto deste ano, ele obteve três dias de folga para viajar à Itália, onde retirou o passaporte comunitário europeu.

O Santos não recebeu nenhuma proposta por Zeca nesta temporada, e o atleta também não tem nenhuma negociação em andamento. O longo período sem atuar por conta de uma lesão no joelho prejudicou o jogador em relação a uma possível transferência para a Europa.

Na temporada passada, o Santos recusou uma proposta de 8 milhões de euros do Atlético de Madri, da Espanha, por Zeca. O clube paulista até enviou uma contraproposta pedindo 10 milhões de euros, mas os espanhóis recuaram.

Futebol