PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Lucas Pratto recebe alta e volta a treinar pelo São Paulo na quarta-feira

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

28/08/2017 18h06

A torcida do São Paulo tem um motivo para comemorar. Lucas Pratto recebeu alta do hospital HCor nesta segunda-feira e já está liberado para se reapresentar e treinar com os demais jogadores nesta quarta-feira, no CT da Barra Funda. O argentino levou uma joelhada de Hernanes durante o primeiro tempo do clássico com o  Palmeiras, neste domingo (27).

O camisa 9 caiu inconsciente no gramado e teve de ser transferido de ambulância para o hospital. Nesta segunda, havia sido submetido ao exame de ressonância magnética que não havia constatado nenhuma alteração. 

Menos de 24 horas do choque, Lucas Pratto falou pela primeira vez quando ainda estava internado no HCor. O centroavante mandou mensagem para os torcedores do São Paulo, prometeu voltar logo para ajudar o time na luta contra o rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro e agradeceu o carinho demonstrado por atletas e torcidas adversárias. A expectativa é que Pratto receba alta ainda nesta segunda-feira.

 

Tem recado do @prattolucas12 ????

Uma publicação compartilhada por São Paulo FC (@saopaulofc)

 

em

"Queria só falar para todos que estou bem e agradecer a todas as mensagens de carinho e apoio. Queria também agradecer aos jogadores e torcedores de outros times, não só do São Paulo, que me deram muito carinho em um dia muito difícil para mim. Estou bem e falo para a torcida do São Paulo que já estou pronto para voltar e tirar a gente desta situação, que nos deixa muito triste. Vamos conseguir sair dessa", projetou o argentino em vídeo publicado pelo Instagram do São Paulo.

Pratto ficou desacordado por um minuto, ainda no primeiro tempo do Choque-Rei que terminou em vitória palmeirense por 4 a 2. O jogador fazia sua primeira partida com a camisa 9 do Tricolor, já havia dado assistência para Marcos Guilherme marcar e via seu time vencer por 1 a 0. Jogadores e comissões técnicas dos rivais se mobilizaram para atender Pratto, que deixou o Allianz em uma ambulância. A torcida do Palmeiras ficou em silêncio durante o atendimento e aplaudiu quando o atacante foi removido.

Futebol