PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Inter e D'Alessandro não querem tratar de renovação. Saiba por que

D"Alessandro e Inter irão conversar apenas mais tarde sobre vínculo no fim - Ricardo Duarte/Inter
D'Alessandro e Inter irão conversar apenas mais tarde sobre vínculo no fim Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

26/08/2017 11h00

Sempre que questionado sobre renovação de contrato, o meia D'Alessandro deixa claro que não pretende conversar sobre isso no momento. Se for permanecer no Inter, tratará do tema apenas no fim do ano. E o discurso é o mesmo da direção do clube. A razão para postergar tal debate é a confiança entre as partes.

Em pouco mais de quatro meses, o contrato de D'Ale se encerra com o Colorado. Ídolo do clube, o gringo poderá escolher se permanece ou não no Beira-Rio. Estará livre, aos 36 anos. "Uma novidade na minha vida", disse na última semana.

Mas o jogador não quer tratar do tema atualmente. Desde que chegou, D'Alessandro explica que o momento ideal para falar sobre isso será apenas depois de atingir o objetivo de reconduzir o Inter à Série A.

Depois de uma grande atuação na vitória por 3 a 2 sobre o Paysandu, quando deu as três assistências para os gols vermelhos, chegando a 13 passes definitivos no ano, a direção do Internacional reforçou a manifestação do capitão do time.

"A gente tem uma relação desde 2013, 2014, muito boa com ele. Eu, o presidente, é uma relação transparente, correta, reta. Estamos tranquilos sobre este assunto. Na hora que entendermos que devamos conversar sobre isso, vamos fazer com tranquilidade. Nem da nossa parte, nem da parte dele estamos preocupados com isso. Nossa preocupação era trazer o Inter para este momento que estamos passando. Agora é seguir em frente no objetivo que é voltar à Série A. Ele voltou da Argentina para nos ajudar, poderia ter ficado lá, mas sabia da importância dele estar aqui nos ajudando para retornar", disse o vice de futebol Roberto Melo.

Uma simples razão explica a pouca preocupação com o fim próximo do vínculo: confiança. Tanto D'Alessandro confia na atual direção do Internacional quanto os comandantes do clube têm o mesmo sentimento com ele. Desta forma, tratar uma eventual renovação ou o fim do ciclo do camisa 10 em Porto Alegre será pauta, naturalmente, para os próximos meses, apenas.

Enquanto isso ele vem provando que a idade elevada - 36 anos - não o atrapalha em nada. É líder em assistências no Colorado, um dos jogadores que mais corre a cada jogo e também acumula funções defensivas. Arranca elogios do técnico Guto Ferreira e comanda a equipe na batalha para retomar posto na elite do futebol brasileiro.

Na próxima quarta-feira, porém, deve ficar de fora. O Inter irá usar time misto pelas quartas de final da Primeira Liga e o gringo, junto com Uendel e Rodrigo Dourado, deve ser preservasdo.

Recorde à vista

Antes mesmo de renovar seu contrato, D'Alessandro deve entrar na lista dos 10 jogadores com maior números de jogos da história do Inter. Atualmente ele soma 379 jogos. Está oito atrás de Falcão e Carlitos, que jogaram 387 partidas cada. Ainda neste ano poderá passar Mauro Galvão, o 8º com 393, e Índio, o 7º com 395.

Futebol