PUBLICIDADE
Topo

Futebol

CR7 tem punição mantida por empurrar juiz e se revolta: 'incompreensível'

Juan Medina/Reuters
Imagem: Juan Medina/Reuters

Do UOL, em São Paulo

22/08/2017 15h28

O Tribunal Administrativo do Deportes (TAD) ratificou decisão anterior e manteve cinco jogos de suspensão para Cristiano Ronaldo, expulso em partida da Supercopa da Espanha, contra o Barça, no Camp Nou. O anúncio revoltou o atacante português.

“Mais uma decisão incompreensível. De injustiça em injustiça, nunca me derrubarão. E como sempre voltarei mais forte. Obrigado a todos os que me têm apoiado”, escreveu Ronaldo nas redes sociais.

O TAD é a última instância desportiva para análise disciplinar. Antes, o Real Madrid havia tentado, sem sucesso, reduzir a suspensão no Comitê de Apelação da Federação Espanhola.

O craque português foi suspenso por empurrar o árbitro Ricardo de Burgos Bengoetxea durante o clássico contra o Barcelona, no Camp Nou.

O árbitro Ricardo de Burgos Bengoetxea relatou na súmula da vitória do Real Madrid sobre o Barcelona por 3 a 1, pela primeira partida da Supercopa, um leve empurrão de Cristiano Ronaldo após a sua expulsão, incidente que pode significar uma pena pesada ao atacante português.

Cristiano Ronaldo já cumpriu duas partidas de gancho.

Futebol