PUBLICIDADE
Topo

Futebol

O dia do mercado: ex-corintiano de saída do Goiás, e Vasco mira Zé Ricardo

Do UOL, em São Paulo

21/08/2017 18h31

A segunda-feira (21) teve várias movimentações no mercado do futebol brasileiro. O Vasco demitiu o treinador Milton Mendes e mira Zé Ricardo para substituí-lo, enquanto o São Paulo anunciou a contratação de mais um zagueiro em meio à temporada.

Já o Goiás está prestes a rescindir o contrato do ex-volante corintiano Willians. Confira as últimas do mercado da bola:

ZR - Ale Cabral/AGIF - Ale Cabral/AGIF
Imagem: Ale Cabral/AGIF

Vasco mira Zé Ricardo

O Vasco ainda não oficializou a saída de Milton Mendes, mas já estuda profissionais que possam substituir o treinador no comando do time. E o nome mais forte neste primeiro momento é o de Zé Ricardo, que deixou o Flamengo há duas semanas.

Willians de saída do Goiás

Tudo caminha para que Willians não vista mais a camisa do Goiás. Titular do time esmeraldino nas últimas três partidas da Série B, o meio-campista de 31 anos deve ainda nesta segunda-feira (21) assinar a rescisão de contrato com o clube alviverde.

Bruno Alves - Érico Leonan/saopaulofc.net - Érico Leonan/saopaulofc.net
Imagem: Érico Leonan/saopaulofc.net

SP contrata zagueiro do Figueirense

O São Paulo anunciou, na tarde desta segunda-feira, mais um reforço para a sequência do Campeonato Brasileiro. O zagueiro Bruno Alves deixou o Figueirense, que luta contra o rebaixamento na Série B do Campeonato Brasileiro, e foi contratado por indicação do técnico Dorival Júnior. O vínculo com o Tricolor tem duração até 31 de dezembro de 2020.

Grêmio pode emprestar Bolaños

O Grêmio quer definir a situação de Miller Bolaños nos próximos dias. De acordo com o presidente Romildo Bolzan Jr., o clube gaúcho já falou com o jogador e terá novas reuniões sobre o tema ao longo da semana. A saída por empréstimo não está descartada.

Juventude pode desistir de colorado

O Juventude deu esta segunda-feira como prazo para o Internacional responder sobre a possibilidade de ceder Roberson por empréstimo. Até agora sem qualquer manifestação, o time de Caxias do Sul ensaia desistência.

Futebol