PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Preparador cita falta de ritmo, mas aposta em Sidão na reestreia no SP

Sidão ganha uma chance como titular do São Paulo neste domingo, contra o Avaí - Marcello Zambrana/Agif/Estadão Conteúdo
Sidão ganha uma chance como titular do São Paulo neste domingo, contra o Avaí Imagem: Marcello Zambrana/Agif/Estadão Conteúdo

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

20/08/2017 04h00

Entre as mudanças na escalação do São Paulo, o destaque fica por conta da escolha de Sidão para a vaga de Renan Ribeiro. Na partida deste domingo, às 16h, em Florianópolis, contra o Avaí, o arqueiro faz a sua reestreia no Tricolor depois de mais de cinco meses. A decisão tomada pela comissão técnica nesta semana surpreendeu. Apesar de se ressaltar o tempo longe da equipe, o preparador de goleiros do clube, Marquinhos Trocourt, aposta em uma boa performance do pupilo.

"Ele vem treinando bem, com confiança no trabalho na parte técnica e específica. É lógico que não está com ritmo de jogo, porque faz tempo que não joga, mas vai superar pela dedicação", disse Marquinhos.

A última partida de Sidão com a camisa do São Paulo foi a vitória por 4 a 1 sobre o Santo André, no dia 5 de março, ainda pelo Campeonato Paulista. Depois, ele chegou até a ser cortado da lista de inscritos do Estadual por conta de uma lombalgia. Quando estava recuperado da lesão, havia perdido o lugar no time para Renan Ribeiro.

"O certo seria que ele tivesse continuidade, mas faz parte para o goleiro que dificilmente joga. Acredito que está treinando bem e com confiança, assim como o Renan", afirmou o preparador.

A decisão de fazer a troca no gol foi tomada por Dorival e comunicada para Renan antes do treino de quinta-feira, no CT da Barra Funda. "Ele [Dorival] pediu a opinião, que foi dada por todos. Ele escuta a comissão técnica", disse Marquinhos.

Indicado por Rogério Ceni, Sidão teve boa performance durante a Florida Cup, em janeiro, mas ficou longe do time em quase todo o Campeonato Paulista por conta da lombalgia. No total, ele disputou apenas nove jogos pelo Tricolor e sofreu 14 gols.

Coincidentemente, o São Paulo vive um dilema para definir quem será o dono da posição em 2018. Com contrato só até o fim deste ano, Denis não faz parte dos planos e deve seguir a carreira em outro clube. Renan tem vínculo com o Tricolor só até maio e o seu estafe já abriu negociação para a renovação. Porém, as conversas não evoluíram e até o momento não houve um acordo. Já Sidão é o único que está garantido até o término de 2018.

"Estou no clube há um mês, mas já deu para ver que o Sidão é um goleiro que tem uma imposição muito grande. Ele sabe se impor dentro de campo e trabalha bem com pés. Volto a dizer, a única coisa é que está sem ritmo, mas deve superar isso", afirmou Marquinhos. 

Ficha técnica

Avaí x São Paulo

Campeonato Brasileiro, 21ª rodada
Local: Estádio Ressacada, em Florianopolis (SC)
Horário: 16h (Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: José Eduardo Calza e Mauricio Coelho Silva Penna (ambos de RS)

Avaí: Douglas; Leandro Silva, Fagner Alemão, Gustavo, Capa; Judson, Luan, Pedro Castro e Juan; Joel e Júnior Dutra
Técnico: Claudinei Oliveira

São Paulo: Sidão; Buffarini, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Petros, Jucilei e Hernanes; Marcos Guilherme, Gilberto e Cueva. Técnico: Dorival Júnior.

Futebol