PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Justiça encerra restrições a Benzema após polêmica com Valbuena, diz jornal

Atacante responde a processo por suposta chantagem - Javier Soriano/AFP
Atacante responde a processo por suposta chantagem Imagem: Javier Soriano/AFP

Do UOL, em São Paulo

26/07/2017 12h14

O advogado de Benzema, Sylvain Cormier, informou ao jornal “L’Équipe” que a Justiça da França encerrou as restrições impostas ao atacante do Real Madrid. Em 2015, Benzema foi acusado de chantagear o colega de seleção, Mathieu Valbuena, ameaçando apresentar vídeos íntimos.

A Justiça havia determinado que Benzema não se aproximasse de Valbuena e de Karim Zenati, também citado no caso.

“Estamos muito satisfeitos. Isto quer dizer que o Benzema recuperará uma vida normal. Nos alegramos, e vamos esperar que sua inocência seja reconhecida”, disse Cormier.

Em novembro de 2015, o jornal francês L’Équipe publicou uma transcrição de suposta uma conversa entre Karim Benzema e um amigo do jogador (Karim Zenati). Os dois dialogam a respeito do vídeo íntimo do meia Mathieu Valbuena, do Lyon, que estariam em posse de Zenati.

O grupo liderado pelo amigo de Benzema pedia 150 mil euros a Valbuena para não tornar público um vídeo com imagens íntimas do meio-campista com a namorada. Benzema seria o intermediário da quadrilha com o meia.

Segundo o jornal francês, o diálogo por telefone foi gravado em 6 de outubro, durante treinos da seleção francesa em Clairefontaine.

Benzema explica que tentou convencer Valbuena a conversar com a quadrilha, para evitar a exposição de sua família.

À Justiça, Benzema sempre negou qualquer participação em chantagem, dizendo que entrou para ajudar Valbuena.

“[O Valbuena] É um grande mascarado. Tudo é baseado na história dele, nós não sabemos a verdade. Além disso, eu o ouço falar que está pronto para jogar comigo, mas ele não me quer. Tem alguma coisa muito errada com ele”, disse Benzema.

Futebol