PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Boca desiste de Centurión e diretor diz que jogador volta ao SP em 15 dias

Meia argentino pode voltar ao São Paulo nas próximas semanas - Rubens Chiri/Site São Paulo
Meia argentino pode voltar ao São Paulo nas próximas semanas Imagem: Rubens Chiri/Site São Paulo

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

26/07/2017 15h24

Mesmo sem ser uma solicitação de Dorival Júnior, o treinador deve ganhar o reforço de Centurión. O Boca Júniors comunicou a desistência de contratar o meia atacante em definitivo. Por isso, o diretor executivo de futebol do Tricolor, Vinícius Pinotti, já trabalha com a possibilidade de contar com o argentino nas próximas semanas.

'Não trabalho com emoção, aqui preciso ser racional. É um negócio, gestão profissional. Ele ainda tem mais 15 dias de férias, porque emendou temporada em cima de temporada. Retorna ao São Paulo dentro de 15 dias", afirmou o diretor. 

No entanto, ainda existe a possibilidade de o jogador ser negociado com algum clube europeu. O Genoa, da Itália, por exemplo, ainda tem interesse em Centurión.

"O Boca desistiu do negócio, ele está de férias. O Centurión segue sendo atleta nosso. Conforme for, volta para o São Paulo. Não tenho muito que falar sobre isso. Vamos trabalhar o mais quieto possível. Não tem problema se ele tiver que voltar. Só tem que ajustar essa questão extracampo", disse Pinotti.

Goleiros

O dirigente tricolor fez questão de negar, mais uma vez, a intenção do clube de contratar um goleiro. Nas últimas semanas, havia sido o especulado o interesse do São Paulo em Walter, do Corinthians. Para demonstrar a confiança nos jogadores do elenco, o diretor já começou a negociar a renovação do contrato de Renan Ribeiro, que tem vínculo até maio de 2018.

"Nunca houve tentativa de contratar outro goleiro. Nós nos reunimos com empresário do goleiro hoje de manhã e o interesse que renova. Renan é o nosso goleiro", disse Pinotti.

Reforços

Com as saídas de Luiz Araújo, Thiago Mendes e Maicon nesta janela de transferência, o São Paulo  teve de correr contra o tempo para buscar reforços. No entanto, mesmo com as chegadas de Hernanes e Marcos Guilherme nesta semana, o clube vai parar de atuar no mercado.

"Não vou dizer que encerrou. Tentamos planejar já 2018. Algumas situações que ocorreram e podem ocorrer é para curto ou médio prazo. Não fecho as portas nem cravo que chega alguém amanhã. Estamos olhando mercado e mantendo trabalho. Dá impressão que estou aqui há cinco anos, mas são dois meses. O clube precisa sempre estar de olho para não acontecer o que aconteceu na janela e queremos estar preparados", afirmou Pinotti.

Jucilei e renovações

Considerado um dos principais jogadores do São Paulo nesta temporada, Jucilei está emprestado pelo Shandong Luneng, da China, somente até dezembro deste ano. Por isso, o clube estuda uma maneira de conseguir fazer a renovação do vínculo.

"É difícil negociar com quem não precisa vender, como os chineses. Mas é óbvio que está no nosso radar. Já tivemos conversas com o empresário para tratar disso. Mas volto a dizer, é uma operação complexa", disse Pinotti, que também trata da renovação do atacante Gilberto, outro com vínculo só até dezembro.

"Já conversamos com empresário do Gilberto e com o Denis devemos conversar na semana que vem. São duas partes. É necessário que os dois queiram. Vamos identificar, definir no planejamento. São muitas variáveis para dizer se ficam ou não."

 

Futebol