PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Klopp barra proposta do Barça por Coutinho: "Liverpool não é time de venda"

Reuters / Carl Recine Livepic
Imagem: Reuters / Carl Recine Livepic

Do UOL, em São Paulo

21/07/2017 06h56

O técnico Jurgen Klopp disse, nesta sexta-feira, que o meio-atacante brasileiro Philippe Coutinho não está à venda e continuará no Liverpool na próxima temporada, apesar de a imprensa inglesa ter noticiado na última quinta-feira que o Barcelona fez uma proposta de 80 milhões de euros (R$ 290 milhões) pelo jogador.

Sem citar especificamente o interesse do Barcelona, Klopp foi firme na resposta dada durante uma entrevista em Hong Kong, onde o Liverpool realiza sua pré-temporada, e ressaltou a importância do brasileiro para o atual momento do clube.

“Sim (Coutinho definitivamente não está à venda], mas isso não mudou desde esta manhã ou de ontem, não tem sido diferente. Phil é um jogador muito importante para nós. Ele está tentando recuperar seu ritmo, mas não há dúvida sobre sua qualidade. Ele é muito inteligente de forma ofensiva e defensiva. A boa notícia para nós é que ele ainda é jovem. Ele melhorou muito desde que estive aqui e ele ainda pode melhorar muito", disse.

Klopp aproveitou a oportunidade para mandar um recado aos clubes que desejam contratar jogadores do Liverpool até o final da atual janela de transferências do futebol europeu. O projeto de formação de time que conduz com a diretoria, segundo ele, é muito maior do que lucrar com a venda de jogadores.

"Não estou surpreso que algum clube esteja interessado em jogadores no Liverpool. A mensagem muito importante é que não somos um clube de venda e é assim que é. Acreditamos em trabalhar juntos e desenvolver juntos. Queremos fazer o próximo passo juntos e, para isso, precisamos ficar juntos. Temos que criar uma situação em que todos possam facilmente ver qual direção queremos ir. É realmente positivo. Este é um clube fantástico e é um bom momento para o Liverpool ", completou.

Philippe Coutinho renovou recentemente seu contrato com o Liverpool até 2022. O Barcelona pensaria no nome do brasileiro para atuar ao lado de Lionel Messi no lugar de Iniesta.

Futebol