PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Provocações do Real Madrid a rivais preocupam técnico da Espanha

Elenco do Real Madrid comemorou o título em carreata pela capital espanhola - Juan Carlos Rojas/Xinhua/NOTIMEX
Elenco do Real Madrid comemorou o título em carreata pela capital espanhola Imagem: Juan Carlos Rojas/Xinhua/NOTIMEX

Do UOL, em São Paulo

22/05/2017 08h23

As provocações a Gerard Piqué, zagueiro do Barcelona, e ao Atlético de Madrid durante a comemoração do título espanhol do Real Madrid podem causar problemas para a seleção espanhola. De acordo com reportagem do jornal local "Sport", Julen Lopetegui, treinador da Fúria, terá de lidar com o problema a partir do dia 3 de junho, quando a equipe nacional se apresenta com jogadores dos três clubes.

Após se tornar campeão espanhol em Málaga, o elenco do Real Madrid voltou para a capital espanhola e atraiu uma multidão para comemorar a conquista nas ruas da cidade. Em determinado momento, os jogadores puxaram o grito "Piqué, cabrón, saluda el campeón", que contagiou a torcida.

A seleção espanhola se apresenta dia 3, com exceção dos jogadores do Real Madrid, que no mesmo dia enfrentam a Juventus na final da Liga dos Campeões. Como o resto do elenco vai assistir à partida, existe a preocupação sobre possíveis reações dos jogadores de Barcelona e Atlético de Madrid durante o jogo.

Asensio, Carvajal, Isco, Morata, Nacho e Sergio Ramos são os jogadores do Real Madrid chamados por Lopetegui, que ainda convocou Busquets, Iniesta, Jordi Alba, Piqué e Sergi Roberto do Barcelona e Koke do Atlético de Madrid. A Espanha enfrenta a Colômbia no dia 7, em amistoso, e a Macedônia no dia 11, pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

Futebol